hOMENS!

Coloque e/ou comente aqui noticias,
links para noticias, citações de imprensa, etc...
Avatar do Utilizador
lecavo
Mensagens: 915
Registado: 29 set 2006, 21:41
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública
Localização: (originário de Verurium) - Alavarium

hOMENS!

Mensagempor lecavo » 14 ago 2007, 12:44

Viva!

Porque é que algumas pessoas ofendem outras!?

Porque é que algumas pessoas ofendem outras, mesmo onde não existe ou nunca existiu qualquer ofensa contra si?

Há usuários que me agrediram por opiniões proferidas por mim. Acusaram-me de um acto que para mim é o mais ignóbil acto que um ser humano pode executar. Mas não se ficou por aqui, os agressores, ébrios de vontade insultuosa prosseguiram. A sua agressão gratuita deixou clara, tanto a sua maldade como a sua ignorância sobre aquilo que escrevi, pretensamente o “motivo” que os impulsionou. Ou seja, além de não terem entendido nada daquilo que escrevi, ainda fizeram uma leitura deturpada. Porquê? Bem a essa pergunta, só eles poderão responder.

Perdi tempo, estudei (também sobre os assuntos em causa) e ganhei conhecimentos. Na posse deles, cheguei mesmo a alterar algumas das minhas convicções, simplesmente pelo facto de ter compreendido, que estavam alicerçadas em pressupostos errados – a física e a química são disto um exemplo flagrante no dia a dia. Julgo que é precisamente por isso que se estuda, para evoluir, aprender e avançar um pouco mais nos nossos conhecimentos. Mas infelizmente há quem não se respeite, primeiramente a si próprio, desrespeitando valores que lhe deveriam ser intrínsecos, depois os outros, que nenhum mal lhes fizeram. Não me convençam que foi lapsus calami, porque o espírito doloso estava lá bem patente. Talvez porque a sua mente estivesse toldada de intolerância e desrespeito pelas opiniões dos outros, tal elefante a dançar o vira numa loja de porcelanas, partindo a loiça toda, numa ode de intolerância, tibiez e porque não dizê-lo, estupidez, facilmente perdendo a noção de quem são, a ponto de praticar um crime. A cantu avis dignoscitur - Pelo canto se conhece o pássaro.

Fui insultado, caluniado, jamais aqui, alguém teve um tratamento igual! A bonis disces bona; et malis te immiscens mentem amittes - Com os bons aprendes o bem, e misturando-te com os maus, perdes o juízo. Parece-me que há por aqui quem tenha convivido muito com maus!

Pelo facto de estarmos “aqui” frente a um monitor e a matraquear numas teclas, escondidos por trás de um “anónimo” nick, não temos a liberdade de fazer tudo o que nos vem à cabeça. Esquecem-se que são agentes da autoridade!? Que isso vos obriga a ter uma conduta condizente com essa condição!? É que à mulher de César não basta ser séria, também tem de parece-lo.

Como fiz print screen do todo o tópico, ainda agora voltei a ler tudo o que escrevi sobre o assunto, na possibilidade de encontrar alguma coisa que corroborasse as ofensas que me foram feitas. E não vi nada que desabonasse a minha conduta. Apenas emiti a minha opinião, que nem sequer chega a ser contrária à ideia desses tais que incompreensivelmente me ofenderam. Isso ainda torna a sua atitude mais incompreensível à luz da minha razão. Como pode alguém ser tão inconsequente, irresponsável e até insano!? In dúbio favores sunt ampliandi et odia restringenda – na dúvida, devemos ampliar os favores e restringir o ódio! - Mas eles não o fizeram!

A bove ante, ab asino retro, a stulto undique caveto - Guarda-te do boi pela frente, do burro por detrás, e do tolo por todos os lados. Infelizmente, neste fórum parece-me que alguns nos obrigam a estar sempre atentos aos quatro ângulos.

Muitos dirão Fabellam narras surdo asello - Estás contando história a um burro surdo - infelizmente é verdade.

Há três formas de estar na vida, abaixo, ao nível ou muito acima. Prefiro estar muito acima!

Pelo sim pelo não, fui lavar as mãos!
«À beira de um precipício só há uma maneira de andar para a frente: é dar um passo atrás.»
M. de Montaigne

-- Um abraço - Lecavo

arnaldo anastácio_

Re: hOMENS!

Mensagempor arnaldo anastácio_ » 14 ago 2007, 21:04

Camarada Lecavo

Depois de ler este seu lamento e ver que o meu amigo também é adepto de locuções latinas, permita-me que lhe deixe aqui três que se calhar já conhece, mas que me parecem apropriadas aos factos.

Abyssus abyssum invocat (O abismo chama o abismo) Expressão de um salmo de David que significa que uma falta origina outra.

De gustibus et coloribus non disputandum (Gostos e cores não se devem discutir) Provérbio dos escolásticos da Idade Média, citando que cada qual pensa e age como entende.

Dulce et decorum est pró pátria mori (É doce e belo morrer pela pátria) Verso de Horácio (ODES, III, 2, 13) que exortava os jovens romanos a imitar as virtudes e a coragem dos seus maiores.

Um abraço fraterno, esqueça o assunto e carpe diem, quam minimum crédula postero.(*)


Arnaldo Anastácio

PS: E ai de si se abandona este fórum. Leva com um processo em cima e quem o organiza sou eu, e nomeio a Matahary como minha secretária. :LOL

(*) Este não traduzo porque toda a gente tem obrigação de saber o seu significado.

Avatar do Utilizador
matahary
Mensagens: 2623
Registado: 13 fev 2004, 13:20
Localização: Além do Tejo

Re: hOMENS!

Mensagempor matahary » 14 ago 2007, 22:43

Deixem-me que vos diga que é uma grandessíssima aperreação estar a ler textos cheios de latim. Não o estudei, não sei um boi de latim. Oh, clemência! Já só nos falta vir alguém com expressões em grego. Livrem-se!


Fui insultado, caluniado, jamais aqui, alguém teve um tratamento igual!

Seria impossível deixar passar esta afirmação em branco.
Seria até injusto, pois não corresponde, de todo!, à verdade. Já to disse, e direi as vezes que forem necessárias: estás longe de ter sido ofendido como alguns aqui foram - e vêm-me à memória dois nomes. Sabes o que esses fizeram? Abandonaram por algum tempo o Fórum (mas, ainda bem que voltaram, pois o Fórum não seria o mesmo sem eles), sem exigências, sem pedidos, sem nada. Lamberam as feridas e voltaram, sem levantar ondas, sem rancor ou mágoa. E sabes o que mais? Não há vez nenhuma que um desses dois não escreva e não leve na cara!

Compreendo que sintas que a tua ofensa foi a maior de todas, porque foste tu que a sentiste; mas, colocando na balança, não podes dizer de forma alguma que "(...)jamais aqui, alguém teve um tratamento igual." Aliás, se calhar até tiveste... é raríssimo apagarem-se tópicos de forma como aconteceu. Só por isso, foste um privilegiado, enquanto todos os outros membros...
Que pena não teres preferido a abnegação! Teriamos saído todos a ganhar.



P.S. Tou a ver que para ser tua secretária terei de saber latim. Linguagem gestual, não basta, não?
"Satisfaça-se com o que lhe agrada, e deixe os outros falarem de si como lhes agrada." - Pitágoras

Uma por dia, tira a azia.

Matisyahu - One Day ^.^ Aurea - Busy for Me

Avatar do Utilizador
Moita
Mensagens: 131
Registado: 07 abr 2004, 21:12
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública
Categoria: Agente
Localização: Ali ... daquele lado!

Re: hOMENS!

Mensagempor Moita » 14 ago 2007, 23:39

Lecavo,
É admirável o tempo que te concederam desde os teus primeiros comentários até àquela valente e merecida “tareia” que te coube em sorte e para a qual te colocaste mais que a jeito, pediste-a. Se alguma coisa aqui me surpreende é isso mesmo, só isso, a demora. Éxtraordinário!

Acredita, já me parecia tarde, muito tarde, este fórum já não é o que foi. Digo-o sem qualquer ironia nem vontade de parodiar.

Não te fica nada bem vires agora acusar outros de pontapearem pedras pequenas quando todos te vimos andar à cabeçada aos penedos. Mas nisso não tocas tu, continuas a dirigires-te pedante e pesporrentemente à audiência como se ineptos fossemos, tal e qual como quando pateticamente nos presenteaste com o tal texto (que por pudor e para te ajudar a esquecer nem entro em detalhes); ganda lata.
Como eu te compreendo!

A moderação féz-te o favor de apagar o tópico e abriu-te o caminho para este exercício de auto-vitimização, ambiguidade, hipocrisia q.b., lamechice a rodos, mas sem tocares nem ao de leve no essencial, e, evidentemente, duvido que alguma vez o postasses no tópico em causa, que já o não é, o apagado. Lá ´que eu gostaria de te ver a fundamentar os teus dislates. É que assim, de longe e à distancia de uns dias daquilo que já não podemos comparar nem reler, é mais fácil disfarçar a bota quando não bate com a perdigota.

Olha… parabéns!

Matahary Escreveu:Deixem-me que vos diga que é uma grandessíssima aperreação estar a ler textos cheios de latim.

Vá lá rapariga, bem que podes desligar de vez em quando os neurónios da critica. É inegavel que para copiar o homem tem jeito, essa ninguem lha pode tirar, provou-o.

Beijos.
Já agora, no sitio do costume.
moita

arnaldo anastácio_

Re: hOMENS!

Mensagempor arnaldo anastácio_ » 15 ago 2007, 09:08

matahary Escreveu:Deixem-me que vos diga que é uma grandessíssima aperreação estar a ler textos cheios de latim. Não o estudei, não sei um boi de latim. Oh, clemência! Já só nos falta vir alguém com expressões em grego. Livrem-se!

P.S. Tou a ver que para ser tua secretária terei de saber latim. Linguagem gestual, não basta, não?


Queria Amiga Matahary

Mesmo sem te aperceberes
Todos os dias escreves latim,
Para minha secretária seres
Bastava, somente, dizeres sim.

Deixa pra lá a gestual
E a inglesa..., por favor!
Falemos uma outra universal
E, essa, tu sabes, é o amor.

Vamos assim abdicar
De idioma e cultura
Só servem para afastar!

Falemos antes língua pura
Vamos, pois, comunicar
No dialecto da ternura.


Beijinhos

Arnaldo Anastácio

Avatar do Utilizador
matahary
Mensagens: 2623
Registado: 13 fev 2004, 13:20
Localização: Além do Tejo

Re: hOMENS!

Mensagempor matahary » 15 ago 2007, 10:50

Imagem

Imagem Imagem Imagem


Imagem
"Satisfaça-se com o que lhe agrada, e deixe os outros falarem de si como lhes agrada." - Pitágoras

Uma por dia, tira a azia.

Matisyahu - One Day ^.^ Aurea - Busy for Me

Avatar do Utilizador
lecavo
Mensagens: 915
Registado: 29 set 2006, 21:41
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública
Localização: (originário de Verurium) - Alavarium

Re: hOMENS!

Mensagempor lecavo » 15 ago 2007, 11:30

Viva!

Há pessoas que não percebem a diferença entre um carroceiro ébrio à porta de uma taberna a dizer os impropérios que lhe vêm à cabeça, talvez devidos aos vapores etílicos e um agente da autoridade, que aqui se diz pertencer à Polícia de Segurança Pública. Vai, NA MINHA OPINIÃO, uma grande diferença.

Quem não sabe de que lado da trincheira se encontra, ou está perdido, ou já passou para o lado daqueles que (felizmente muito poucos) de quando em vez, aparecem em capas de revistas e primeiras páginas de jornais, porque foram “presos” ou pelos próprios colegas ou pela PJ, pela prática de lenocínio, tráfico de droga, furto, roubo, contrabando de armas e até como serial killer, “simplesmente” porque perderam o sentido da verdade e da justiça. Praticaram crimes!

Há crimes. Nem todos são iguais, mais pelas suas consequências, do que pelo principio moral, ético e jurídico, porque crime é um acto que viola uma norma legal, uma violação à lei. Pratica um crime, quem por uma acção ou omissão típica, ilícita e culpável, infringe um preceito legal, que constitui ofensa a um bem jurídico seja ele colectivo ou individual.

O nosso Código de Processo Penal, nas Definições legais, no seu Artigo 1.º, diz:
1 - Para efeitos do disposto no presente Código considera-se:
a) Crime: o conjunto de pressupostos de que depende a aplicação ao agente de uma pena ou de uma medida de segurança criminais;

Ora e à cerca do caso em apreço;

O igualmente nosso Código Penal, no seu Artigo 181º, número 1, define
injuria:
1 - Quem injuriar outra pessoa, imputando-lhe factos, mesmo sob a forma de suspeita, ou dirigindo-lhe palavras, ofensivos da sua honra ou consideração, é punido com pena de prisão até 3 meses ou com pena de multa até 120 dias.

O Artigo 182º do mesmo código diz o seguinte:
Equiparação
À difamação e à injúria verbais são equiparadas as feitas por escrito, gestos, imagens ou qualquer outro meio de expressão.

Mas não ficamos por aqui, no Artigo 183º diz ainda:
Publicidade e calúnia
1 - Se no caso dos crimes previstos nos artigos 180º, 181º e 182º:
a) A ofensa for praticada através de meios ou em circunstâncias que facilitem a sua divulgação; ou,…….o agente é punido com pena de prisão até 2 anos ou com pena de multa não inferior a 120 dias.

Se um órgão de polícia criminal, mais concretamente agente (englobando todos os postos hierárquicos) da Polícia de Segurança Pública (PSP) perdeu a noção espacial e legal da posição que deve ocupar, se do lado legal da trincheira, se do outro, do ilegal, então alguma coisa vai mal. Não deveria estar entre nós, os agentes da autoridade que todos os dias e em toda a parte, cumprem e fazem cumprir a lei. Aqueles que no activo, na pré-aposentação ou na aposentação, continuam a saber quem são, cumprindo com a sua obrigação ética, moral e legal de respeitar todas as normas legais, sejam de ordem criminal geral, cível ou disciplinar internas.

Trata-se tão só disto: SABER DE QUE LADO DA TRINCHEIRA SE ESTÁ! Quem não perceber isto, será mais um dos que apenas vestem uma jaqueta que tem uma cor azul e que mais cedo ou mais tarde, talvez fruto das circunstâncias (sorte ou azar) acabam (ou não!) por aparecer nas capas de revistas e primeiras páginas dos jornais, pelos motivos atrás referidos.

Fico francamente admirado, que “polícias” se coloquem do lado dos prevaricadores! Embora isso hoje seja até comum em certas franjas da nossa populaça, não é raro ver magotes de “gente” civil à porta dos tribunais a aclamar criminosos! Só não o esperava de polícias. Mais ainda, que tenham a insensatês de vir cheios de orgulho (!!!) dizê-lo em público. Talvez sinais dos tempos - fica-te mundo, cada vez pior!
«À beira de um precipício só há uma maneira de andar para a frente: é dar um passo atrás.»
M. de Montaigne

-- Um abraço - Lecavo

Avatar do Utilizador
Prometeu
Mensagens: 1
Registado: 22 jun 2007, 00:01
Força ou serviço: Outra(o)

Re: hOMENS!

Mensagempor Prometeu » 15 ago 2007, 11:58

Se se sente desconfortável no nosso e meio e sente que este lugar não se coaduna com a sua maneira de ser e de estar como homem e/ou como polícia, por favor, sinta-se livre para partir, ou para ficar. Mas não obrigue os restantes membros deste Fórum a relembrar este incidente que todos queremos esquecer.

Agradeço que respeite a posição da moderação e que não argumente, para que esta não se veja na posição de ter de apagar outro tópico, algo que nos deixa sempre muito consternados.

Este assunto já está esgotado. Já está a chegar ao limite da racionalidade.
Agradecemos que pare de imediato.


Voltar para “FÓRUM 8 - NOTÍCIAS & IMPRENSA”

Quem está ligado:

Utilizadores neste fórum: CommonCrawl e 0 visitante