SONETO ASCOROSO

Avatar do Utilizador
Fulano_de_tal
Mensagens: 863
Registado: 02 ago 2008, 22:33
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública

SONETO ASCOROSO

Mensagempor Fulano_de_tal » 22 fev 2012, 18:24

SONETO ASCOROSO

Piolhos cria o cabello mais dourado;

Branca remela o olho mais vistoso;

Pelo nariz do rosto mais formoso

O monco se divisa pendurado.

Pela bocca do rosto mais corado

Halito sae, às vezes bem ascoroso;

A mais nevada mão sempre é forçoso

Que de sua dona o cu tenha tocado.



Ao pé delle a melhor natura mora,

Que deitando no mez podre gordura,

Fetido mijo lança a qualquer hora.



O cu mais alvo caga merda pura:

Pois si é isto o que tanto se namora,

Em ti mijo, em ti cago, ó formosura!
------------------
Everyone has a right to be stupid once in awhile. Yet some just abuse the privilege.
------------------
https://www.tovarich.net

Voltar para “Literatura”

Quem está ligado:

Utilizadores neste fórum: CommonCrawl e 0 visitante