O BAR DO FORUM

Avatar do Utilizador
masahemba
Mensagens: 243
Registado: 07 jan 2008, 15:17
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública
Categoria: Agente

O BAR DO FORUM

Mensagempor masahemba » 31 jan 2008, 14:26

Esta noite tive um sonho. Vejam com o que eu fui sonhar: que o nosso Forum tinha um bar. O bar chamava-se «Tricas, Trocos, Cerveja e Tremoços». Um evento de arromba foi a sua inauguração. E eu era o barman. Exigi à administração uma aparelhagem condigna. Foi colocada uma Technics sound round, com uma saída de 300 W por coluna, seis colunas. Reclamei música country, blues, jazz, para criar ambiente de cervejola. Aquele som era convidativo à boa cavaqueira.
O bar, bem apetrechado, servia boa cerveja portuguesa e irlandesa, whisky Old Parr 16 anos, aguardentes velhíssimas, bom brandy, vinho do Porto Ferreirinha, Velhotes, D. Antónia. de cerveja portuguesa, só Sagres, que é a cerveja com mais travo.
Aguardei pelos clientes.
Entrou-me o soldado Lima Romeu.
- Eh masahemba, isto finalmente abriu, hein?!
- Estava a ver que não. Até andava a ter insónias.
- Insónias?
- Claro. Eu nasci para ser barman deste bar. Enquanto não foi criado, podes bem imaginar como tem sido a minha vida...a deambular por aí.
- Parece-me um sonho- dizia o soldado Lima Romeu, olhando embasbacado para a grandiosidade do bar.
- Pois, pois, mas com menos conversa já estavas a emborcar qualquer coisa. Eu estou aqui para a conversa, mas também tenho de fazer negócio. Estou à comissão. Tive um trabalhão para convencer a administração de que isto ia ser um bom negócio. Portanto, diz lá o que vai ser? És o primeiro cliente.
- Uma superbock.
- Ok- e coloquei-lhe a cerveja à frente.
- Mas, ó masahemba, esta cerveja é Sagres.
- É a melhor cerveja que há. E levas um pires de tremoço.
- Isto está um pouco vazio- dizia o soldado Lima Romeu.
- Logo enche. O pessoal andava mortinho para que abrisse.
- Como vais lá com as confusões do voluntariado para Timor Leste?
- Vou...mais ou menos. O voluntariado acha que tenho os pés chatos. Torceu-me o nariz
(agora tenho de parar de contar o meu sonho, que a gata e o cão pegaram-se. Até já).

Avatar do Utilizador
tiririca
Mensagens: 1396
Registado: 16 nov 2007, 11:59
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública

Re: O BAR DO FORUM

Mensagempor tiririca » 31 jan 2008, 14:37

Tiririca - Boas pessoal! Olha olha, quem aqui está! O Soldado Lima Romeo! É pá, tenho de te agradecer pelo trabalhão que te dei em me trocares o livro lá na capital!

Tiririca - É pá, desculpa Masahemba, nem te disse boa tarde! - O que é que se passa aí com o cão e o gato!? - Não achas que a música está um pouco alta!? Olha, quem paga a cerveja aqui do meu amigo Lima Romeo sou eu! Para mim, o mesmo de sempre, um carioca de limão, mas em chávena grande!

Masahemba - Queres com pedra de gelo ou sem?

Tiririca - Já sabes que não gosto a escaldar, com pedra de gelo, claro!
Isto está giro, sim senhor. Quem foi o decorador?

(...)
O pessimista queixa-se do vento, o optimista espera que ele mude e o realista ajusta as velas.
(Willian George Ward)

Avatar do Utilizador
alma
Mensagens: 447
Registado: 13 jan 2008, 21:14

Re: O BAR DO FORUM

Mensagempor alma » 31 jan 2008, 15:39

Boa tarde pessoal!!! Estou a adorar o ambiente deste bar...Boa musica, mas um bocadinho alta, por sinal... Qual carioca de limao, qual carapuça tiririca, uma vodka limao para ti...A vodka limao do tiririca e a sagres do soldado Romeu ficam por minha conta e ja agora masahemba tomas alguma coisa?, e que eu hoje estou muito bem dispostas (isto nao e todos os dias).... E para mim pode ser um portinho para aquecer aqui a alma...
E a festinha de inauguaraçao e para quando??? Atençao que tem de ser bar aberto, bebidas á descriçao... :LOL Ve la se pensas em realizares uma noite para as mulheres com os melhores strippers masculinos, :LOL .....E para os homens nao ficarem a chorar podes arranjar umas dançarinas do ventre :LOL ....Nao quero com isto transformar o teu bar numa casa de strippers, mas para uma inauguraçao ficava bem.... :LOL

Cuidado com o mau ambiente, porque com uma casa aberta estamos sujeitos a tudo...E depois ainda ha o mau olhado...Poe um distico na porta a dizer: Proibido a entrada a gente de mal com a vida!!!!! Pelo que entendi isto e um bar alegre... :LOL :LOL :LOL Mas aceitasse gente arrependida, isto e uma pequena sujestao nao para pequeno almoço mas para a vida...

Avatar do Utilizador
masahemba
Mensagens: 243
Registado: 07 jan 2008, 15:17
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública
Categoria: Agente

Re: O BAR DO FORUM

Mensagempor masahemba » 31 jan 2008, 16:26

- eh pá, isto está a ficar porreiro- disse de mim para mim, pois só tinha ido desapartar a gata e o cão, que se estavam a pegar, e já ali estavam mais dois clientes, e logo servi o que me foi pedido- mas meus amigos, isto de chá, é uma vez por acaso. Estou com a Alma. Tiririca, isso tem de ser beber rijo. Perguntas-te quem foi o decorador? Então, foi o OLopes. Ele, como membro da administração, exigiu que assim fosse. Mas por acaso, ficou bonito. Ainda se vão arranjar uns psicadélicos, uma luz roxa e mais uns truques.

- Não podes baixar a música?- pedia de novo a alma.
- e vai-se perder a essência de um blue como este?
- Mas estás aqui para ouvir música ou fazeres negócio?- perguntou o tiririca, com o semblante um pouco carregado.
- pronto, está bem- anui eu. E fui baixar o som. O cliente tem sempre razão.
- tens razão, masahemba. Esta cervejola é boa- dizia o soldado Romeu.
- Eu não te dizia- disse eu satisfeito, com ar orgulhoso. Em questão de cerveja sou um verdadeiro perito.
- A administração tem previsto espectáculos de streap?
- Não sei...isso não foi falado. Mas umas gajas a fazerem a dança do ventre, acho que ficava aqui bem- disse eu, com um sorriso lascivo.
- e uns mocetões bem musculados, peitorais super desenvolvidos...a pele húmida...
- mau- disse eu, com ar de desagrado- eu trabalho aqui todos os dias, pensas que quero aqui disso? Para ver bons músculos olho-me ao espelho.
O titirica olhou para mim com os olhos esbugalhados.
- O que é que estás a olhar?- perguntei eu.
O tiririca começou a rir-se.
- Porra, eu não quero aqui gajos a abanarem o cú.
- Não masahemba?- perguntou a alma um pouco escandalizada- e as tuas clientes?
- As minhas clientes? No Forum só existem três mulheres.
- Isso quer dizer o quê?- perguntou a alma, com o seu bonito olho a fixar-me intensamente.
- Vocês não dizem nada?- perguntei eu aos tiririca e soldado Romeu.
- Ó pá, o bar é teu- disse o tiririca.
- Tu é que tens de decidir- respondeu o soldado Romeu- se o bar fosse meu, eu não queria cá essa gente.
Eu olhei para a alma a sorrir.
- Estás a dar uma macho, é?- perguntou a alma, virando-se para o soldado Romeu, irada.
- Eu não estou a dar uma, eu sou macho. Há dúvidas?
- ei, ei, calma...-dizia o tiririca, apaziguador, com os braços abertos, entrepondo-se entre o soldado Romeu e a alma- então, já vamos arranjar chinfrim, logo no primeiro dia?
Eu olhava embebecido...(carago, lá está outra vez a bicharada. Tenho que lá ir. Já venho)

Avatar do Utilizador
alma
Mensagens: 447
Registado: 13 jan 2008, 21:14

Re: O BAR DO FORUM

Mensagempor alma » 31 jan 2008, 16:47

O tiririca e o Soldado Romeu que tenha, paciencia mas o strep masculino tem que ser feito...Eu ja avisei as minhas amigas... :D :D ....

Fica aqui uma outra sujestao tentadora....Sao viciantes, afrodisiacas, delirantes, estaladiças, deliciosas,irresistiveis,e faz bem aos maxilares, etc....
E diz o masahemba: Desculpa Tiririca mas como o bar esta aberto a pouco tempo temos falta de trocos...nao queres umas konas creme? tens varios sabores, mastigas durante muito tempo sem perder o sabor....
Tiririca (ficando vermelho por causa do nome), diz: Venha de la uma konazinha para eu experimentar, gosto sempre de coisas novas....
O tiririca sem ninguem se aperceber voltou para tras e pediu ao masahemba para lhe dar mais algumas porque as achou deliciosas... :LOL hmmmm, acho que ficou viciado nas konazinhas...pois estas tem sabores fortes :D :D :D


pastilhas.jpg
Não tem Permissão para ver os ficheiros anexados nesta mensagem.

Avatar do Utilizador
masahemba
Mensagens: 243
Registado: 07 jan 2008, 15:17
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública
Categoria: Agente

Re: O BAR DO FORUM

Mensagempor masahemba » 31 jan 2008, 19:24

raios parta a bicharada, que me não deixa sossegado. Pronto, estou de novo a chegar ao bar...mas o que terá o tiririca...vem a andar tão depressa em minha direcção, parece que vem apoplético.
- Tiririca, o que é que tens?
- dá-me uma Konazinha.
- Perdão?!- disse eu, arregalando os olhos.
- Uma Konazinha. Eu provei, é tão bom!
- Mas estás.me a pedir a mim uma Konazinha? A mim? Eu quero fazer negócio, é certo, mas isso? Eu não tenho.
- Não tens? Mas alma disse que tens aqui. Ela até me deu uma.
- A alma...deu-te uma Konazinha? onde? Aqui?
- Sim. Anda lá pá.
- Ó tiririca, mas porra, queres fazer do meu bar o quê? Isto não é sítio para farfalhanços!!
- Farfalhanços? Mas estás a falar de quê?
- Estou a falar de quê? O que se faz com as Konazinhas?- perguntei eu.
- Mastigam-se.
- Mastigam-se? Na minha terra dizemos que comemos umas Konazinhas, mas isso é uma forma de falar.
- Então o que é que tu fazes com as pastilhas?
-As past...ahahahahahahahahaha- agora percebi. As pastilhas Kona Creme. Esta minha mente depravada. Claro amigo, anda daí.
E cheguei-me ao balcão. A alma estava agora em fraca conversa com o soldado Lima Romeu. Lá dei uma pastilha ao tiririca, que logo a meteu à boca avidamente.
- ò Alma, meteste o vício da Konazinha ao tiririca, agora não quer outra coisa.
- Onde é que descobriste estas pastilhas?- perguntou-me a Alma.
- ò menina, os meus fornecedores sabem o que é bom. E bar que se preze necessita de inovação. Mas não é com Konazinhas que eu me safo. Vamos lá, o que se segue? O que bebem?
- Eu vou noutra bejeca- disse o soldado Romeu.
- Tens cuba livre?
- Faz-se.
- Eu quero um gin tónico- disse a Alma de forma tão sensual, que me quedei a olhar para ela. Aquele olho era mesmo lindo.
- Conseguiste entrar no voluntariado para Timor Leste- perguntou-me o soldado Lima Romeu.
- Não pá, já te disse que não. Eles acharam que eu tinha os pés chatos.
- E depois? Então uma pessoa voluntariza-se e recebe uma resposta dessas?!- comentou a Alma.
- Paciência. Também, se tivesse ido, não podia abrir o bar- rematei eu.
- Esta cuba livre está óptima. E com o sabor da Konazinha, escorrega que é um mimo- disse o tiririca, refastelado- esta bebida foi invenção do Fidel?
- Não me cheira, Sendo livre...é capaz de não- respondi eu.
Subitamente, no bar, entrou um mitra. O pessoal ficou escandalizado. A Alma não, que ela não sabia nada sobre mitragem (viro-me na cama e suspendo o sonho...fonix)

Avatar do Utilizador
tiririca
Mensagens: 1396
Registado: 16 nov 2007, 11:59
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública

Re: O BAR DO FORUM

Mensagempor tiririca » 31 jan 2008, 22:08

(...) O mitra quando se apercebeu que era um bar de polícias, pisgou-se num ápice!

Tiririca - Só mesmo tu para me pores a beber bebidas alcoólicas, deve ser por causa deste saber a Konazinha, só pode. - Digo eu ao barista masahemba. Nisto, olho para a porta e vejo chegar o Sultão! Que logo cumprimenta todos com o seu habitual ar alegre
- Boa noite, Deus esteja convosco!
- Ele está no meio de nós! - respondeu a alma.
- Boas noites amigalhaço - responde o tiririca.
- Boas companheiro - responderam ao mesmo tempo o masahemba e o Lima Romeo.
Convidei-o a sentar-se na nosso mesa.
- Que bebes!?
- Só um café!
- Masahemba, tira aí um café para o amigo Sultão.
- Com adoçante, se faz favor.
Comecei a sentir falta de alguma coisa... não sabia muito bem o que era, mas... havia qualquer coisa em mim que não estava tranquilo. Áh! Era o raio da falta das pastilhas Kona Creme!
- Masahemba, é pá, quando trouxeres o café aqui para o amigo Sultão, traz-me também uma caixa de pastilhas Kona Creme.
Viro-me para o Lima Romeo e pergunto-lhe:
- Ouve lá o Lima Romeo, já aprendes-te a falar alemão?
- Tenho ido aos treinos.
- Olha que isso é uma "língua" muito difícil de aprender. Dizem, porque eu, assim que me lembre, nunca tive contacto com "ela".
- Tem as suas dificuldades, lá isso tem.
- Bem, uma pessoa quando tem mesmo vontade, aprende qualquer coisa.
A alma levantou-se e foi sentar-se ao balcão em amena cavaqueira com o barista. Parece entenderem-se bem, aqueles dois. Sempre no cochicho, sempre na conspiração...
Lá veio o café e a tão desejada caixa de pastilhas. Meto avidamente uma à boca... hmmmmmmmmm que sabor sublime! Um gosto suave, húmido, ligeiramente salgado. Simplesmente viciante.
Perguntei de chofre ao Lima Romeo:
- O que é que te parece essa cena do streep?
O Sultão arregalou os olhos e olhou para mim meio boquiaberto...
- Calma, amigo Sultão. Não penses que vamos atulhar este bar de gajas. Não é nada disso
- É pá, eu acho que nestas coisas deve haver decoro!
- E tens razão, mas foi uma ideia aí do pessoal.
- É pá, eu gosto mais das gajos de leste - diz o Lima Romeo
- Olha eu, nem de leste e muito menos brasileiras! É pá, para mim devem ser portuguesas e de preferência do norte! Eu sou apologista do produto nacional. Eu sou dos que pensa que o que é português é bom!
- Mas afinal de que raio estão vocês a falar. - pergunta o Sultão.
- Olha, a alma deu a ideia de fazer uma festa de inauguração do bar. E para animar ou abrilhantar a tal festa, deu a sugestão de se apresentar um show de steep. Só que parece não haver consenso. Ela acha que deve haver um show masculino, mas o pessoal não está muito em ir nessa.
- Bem, desde que não metam gajas ilegais, por mim tudo bem.
- caramba homem, não estava à espera de tanta receptividade da tua parte!
- É pá eu não sou nenhum anjinho! - Diz o Sultão com ar maroto.
- Ha ha ha ha ha acredito!
Ouvem-se gargalhadas vindas do balcão. Aqueles dois, não param de conspirar.

(...)
O pessimista queixa-se do vento, o optimista espera que ele mude e o realista ajusta as velas.
(Willian George Ward)

Avatar do Utilizador
masahemba
Mensagens: 243
Registado: 07 jan 2008, 15:17
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública
Categoria: Agente

Re: O BAR DO FORUM

Mensagempor masahemba » 31 jan 2008, 23:06

porra, tiririca, puseste aqueles olhões ao mitra, que nem me deste tempo de lhe ver as fuças. Pisgou-se parecia coisa má (isto pensei eu, ao dar outra volta na cama, e por momentos, pude ver a cena do bar. Já tinha chegado mais um dos caros elementos do Forum. Era o Sultão.
Mas aquele olho belo a observar-me. A Alma é interessante. Aproveito o facto de o soldado Lima Romeu, o tiririca e o Sultão estarem envolvidos numa aceso diálogo, e faço-lhe um sinal, e ela logo vem em direcção ao balcão, com um sorriso nos lábios...que lábios, tão carnudos, sedutoramente vermelhos. Terá batôn? Eu destesto o sabor daquela mistela na boca. Até parece que já a estou...masahemba, mas para que merda te havia de dar. Este é o teu trabalho. Se a administração sabe. Ela aí vem.
- Masahemba, o teu gin tónico é muuuito saboroso.
- Eu sou todo saboroso. Só posso fazer coisas saborosas (ela olhava para mim, com os lábios entreabertos, as narinas a pulsarem, Meu Deus...eu...)
(tive uma cãibra numa barriga da perna. Lá se foi o sonho outra vez. E ali fiquei eu pendurado na Alma, no balcão do bar, como que petrificado. Mas porque é que o corpo me faz estas maroteiras? Preciso voltar para o sonho depressa, não vá ela cansar-se e...)

Avatar do Utilizador
Pedro Bala
Mensagens: 1273
Registado: 13 jan 2006, 22:51
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública
Categoria: Agente
Localização: Algures, por aí...

Re: O BAR DO FORUM

Mensagempor Pedro Bala » 31 jan 2008, 23:11

(à noite nunca tomo café)

Parabéns!
Deus te dê o dobro daquilo que me desejas.

Soldado Lima Romeo

Re: O BAR DO FORUM

Mensagempor Soldado Lima Romeo » 01 fev 2008, 01:39

E o pior de tudo é que eu e o Tiririca, juntos na mesinha, conspirávamos a ver os olhos esbugalhados do Masahemba, e o seu comportamento sem jeito, por estar tão perto da Alma.

- ò Tiras (diminutivo auxiliado pela Sagres oferecida pela Alma), repara bem que o Masas (outro diminutivo manhoso) anda à toa ali ao pé da Alma!

- É mesmo caro amigo Géninho... parece que o gato lhe mordeu a lingua, os dedos, os gémeos, e etc... tá ali a tremer que nem varas verdes.

- Ahahahahahahah Porra Tiras, ainda és pior que eu a lançar o veneno. Ahhh é verdade, já domino mais o alemão, mas preferi manter-me só pela vizinhança. Fartei-me de cuspir para muito longe...

E com isto, e com um breve acenar de mão... lá dei o toque ao Masas, para trazer desta vez dois whiskeys com Ginger Ale, para não ficar um travo muito amargo no goto do Tiras.

- Vá bebe lá isso Tiras... à Macho... Sabes que eu como Zé Guardilha tirei o curso de consumo de álcool, como muitos pregam por aí... e o pior é que não tenho proveito nenhum, mas pronto, como estou entre amigos, vou beber uns copos convosco! Ó MASAS DESPACHA-TE LÁ, DEIXA A ALMA E SERVE OS COPOS...

Entretanto... entra a ASAE...

Avatar do Utilizador
alma
Mensagens: 447
Registado: 13 jan 2008, 21:14

Re: O BAR DO FORUM

Mensagempor alma » 01 fev 2008, 12:25

Enquanto o tiririca, o Sultao, o lima romeu, debatiam sobre se se havia de convidar strepers ou nao a alma e o masas conversam no balcao.... Nao porque existesse amor no ar entre os dois, mas porque havia necessidade de falarem os dois sobre o novo bar do forum...E deu para a alma se aproveitar e tentar convencer o masas do streep masculino.

Masa: Ai alma, estou radiante com este novo espaço, podemos conversar todos, relaxar, beber uns copinhos e aumentar a nossa amizade...
Alma: E verdade masas tiveste uma grande ideia ao sugerir a abertura deste bar....E com os nossos conselhos este bar vai de vento em poupa....E acredita que se trouxeres para aqui os streepers masculinos acredita que este bar ficaria a abarrutar...as minhas amigas vinham todas para aqui e isto seria o delirio.....E se reparares as konas tambem chocam ao inicio por causa do nome, mas no fim podes confirmar que toda a gente as consome....pensa la nisso....vamos ser justos tanto para as mulheres como para os homens....
Masa: hmmmm alma....eu percebo, mas a mim nao me dava gozo nenhum ver os peitorais de um homem....prefiro que olhem para mim.... :LOL ....Ainda faço eu aqui um streep todo sexy....sou o homem dos sete oficios... :LOL ...que dizes alma??
Alma: hmmm...nao sei nao masa...nao sei se seria uma boa ideia...nao quero com isto dizer que nao tinhas capacidade para fazeres um streep..mas , nao sei....se calhar ias afungentar mias gente que aquela que trazias......acho que devias ficar so por barman e isso tu fazes bem.....
Masa: Ai alma.....que rude que foste.....ve la se eu nao tenho capacidade para um strep...ja viste bem este meus bicepes...estas minhas omoplatas...os meus gemeos....as mulheres deliravam todas...saltavam para cima das mesas...tentavam arrancar-me a roupa mais rapido, dançavam comigo, gritavam pelo meu nome....ai.....

Enquanto masa sonhava alto, alma olhava para ele com ar de admirada e chocada com as ideias de masa...e como ja nao sabia mais como dizer ao masa que ele nao devia ter muito jeito lembrou-se de lhe perguntar:

Alma: Oh masa se tu vais fazer streep quem e que vai tomar conta do bar??quem sera o barman?

Nisto Masa vem a si.... Fica desolado por saber que nao pode fazer um streep e ser admirado pelas mulheres....Mas concorda com alma e percebe que nao poderia abandonar o seu trabalho.....

Avatar do Utilizador
masahemba
Mensagens: 243
Registado: 07 jan 2008, 15:17
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública
Categoria: Agente

Re: O BAR DO FORUM

Mensagempor masahemba » 01 fev 2008, 14:16

eu sonhei, ou já descrevi a forma como o meu sonho se tornou realidade? E a minha treta sobre a A.P.A.L.P.A, o minha cadeira do meu curso de barman, através do qual eu quis seduzir a Alma- Atendimento Personalizado Altamente Libertador de Palpitações Amorosas?! Não o vejo.
Bem, a Alma ficou terrivelmente enamorada por mim. Mas o tiririca chamou-me por causa do Sultão, e o encanto desfez-se. Mas não vou desistir.
É evidente que o Sultão não se pode ir embora.
- ó pá, não bebes um café, bebes outra coisa. Também sirvo um bom chá relaxante.
- tenho trabalhos em mente. Enquanto não sairem, não descanso.
- Ok. Mas já ficas a saber onde fica o bar. Quero-te ver por aqui muitas vezes. És um gajo fixe.
- Obrigado, masahemba.
E o Sultão foi-se embora.
- ultimamente tem andado afastado- exclamou o tiririca.
- é um bom companheiro- disse por seu turno o Soldado Lima Romeu.
De repente entrou precipitadamente no bar o Xavier.
- Vem aí a ASAE- berrava ele.
Foi um reboliço no bar. Cada um de nós queria esconder-se em qualquer sítio. Tropeçavamos uns nos outros. O tiririca deu um encontrão ao Soldado Romeu, quando ele dava a última golada da sua cerveja. O copo voou pelos ares.
- ei cum caraças, agora fico com um pivete a cerveja. Como vou explicar isto à patroa?
- Deixa lá agora a patroa. Não ouviste que vem aí a ASAE?
- Ó carago, esconde-te- dizia o tiririca a sussurrar já escondido, sentado no chão, com um balde enfiado na cabeça.
Mas era tarde demais. No bar entravam três indivíduos carrancudos, com ar superior, pasta na mão, seguidos por dois colegas.

Avatar do Utilizador
alma
Mensagens: 447
Registado: 13 jan 2008, 21:14

Re: O BAR DO FORUM

Mensagempor alma » 01 fev 2008, 15:25

Masahemba, vamos com calma que isto aqui nao e do povo!!!!! Sou uma senhora de respeito e antes de qualquer coisa preciso de conhecer o pretendente: jantares em privado, prendinhas,florzinhas e muito mais ...Sou á moda antiga, mulher do norte...lol....So aceito qualquer relacionamento contigo depois de teres pedido a bençao a minha mae, e ao meu pai o consentimento, so depois vem o namoro... E aviso-te já que sou uma mulher de muitos vicios... nao sou facil de sustentar , pensa bem no futuro que te espera, se quiseres avançar teras de ter um grande pé de meia !!!!!!!! :D :D

Avatar do Utilizador
masahemba
Mensagens: 243
Registado: 07 jan 2008, 15:17
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública
Categoria: Agente

Re: O BAR DO FORUM

Mensagempor masahemba » 01 fev 2008, 19:43

A Alma mandou-me um bilhetinho. Está aberta pelo menos ao diálogo. Mas, porra, parece-me que é das tesas. Já me fala nos pais. E agora, o que é que eu faço? Pais? Coisa séria? Casamento? É tola! Vou pôr em acção todo o meu charme. Vou responder-lhe ao bilhete:

«Alma, receber o teu bilhetinho fez-me mais feliz do que se me tivesse saído a lotaria. Tu és uma jóia, uma pérola (pérola?? onde é que eu já ouvi isto?), ainda por cima do Norte, com o peito cheio de bons ares. Dar-te-ei o céu, se o céu for importante para ti. Nos meus braços sentir-te-ás nas nuvens. Comigo espera-te um mundo de surpresas. Eu sou uma incógnita, mas uma incógnita transparente. Tudo o que esperas de um homem, eu tenho, eu te dou. I love you. You are my coisa mais bela que já vi».


Bom, e com respeito ao bar?
Os ASAES entraram. Vinham acompanhados de dois colegas. Os colegas não sabiam que bar era aquele. Eu saí de trás do balcão e disse:
- meus senhores, então o que os traz por aqui?
- Mas você é parvo ou faz-se? Não vê aqui escrito na camisola- ASAE?
- Sim, vejo. Foi realmente uma pergunta parva da minha parte, mas sabe o que é, é que este bar tem tudo legal.
- Tem? Mostre-me o alvará.
- O...o...alvará?- perguntei eu, já enrascado- mas isso não é preciso aqui!
- Essa agora?! Então você tem um estabelecimento aberto ao público e tem a pouca vergonha de me dizer a mim, inspector, que o alvará não é preciso aqui?!
- Sabe, isto não está aberto ao público em geral. É só para policias.
Os colegas olharam para mim com olhar desconfiado.
- Eh pá, não olhes assim para mim. É verdade. Tirica, Soldado Romeu, Xavier, venham cá. E então apareceram os três, que por acaso estavam fardados.
- Vêem? A mesma farda, os mesmos distintivos.
- Mas então porquê esse receio, a ponto de se esconderem?- perguntou o colega.
- Colega, era a ASAE que aí vinha. O respeitinho é muito bonito.
- Respeitinho?!- retorquiu o colega- respeitinhos por nós que lhe cobrimos as costas. Se nós não estivéssemos, era cada enxerto!! Estou já estou a ficar farto dseta trampa de serviço.
- Eu também- disse o outro colega.
- Mas este bar é vosso. Porque não aparecem por aqui?- perguntei eu.
- Não sabíamos que existia.
- Àh pois, já me esquecia, abriu hoje. Mas, para pertencerem ao bar, têm de se inscrever no Forum.
- e como é que isso se faz?
- É só pedir autorização à administração. Mas o Fix e o Olopes são uns gajos porreiros. Voces têm que possuir um nome fictício e uma senha. Depois ao chegarem à entrada da porta têm que dizer o nome e a senha para um óculo, que possui células sensoras. Quando entram, há uma luz verde que permanentemente incide sobre o cururuto da cabeça, da qual vocês não se apercebem, que indica à gerência do bar, que sou, que sois membros. Se alguém entrar que não seja membro, leva com uma luz vermelha de perigo, como vocês têm neste momento apontada ás vossas cabeças.
- Vêm aí os gajos da Asae- disse o Xavier, baixando os olhos.
- Andas com uma mosca sempre à tua volta. Os gajos ainda pensam que existe alguma coisa estragada. Porque raio anda essa mosca a voar em teu redor, Xavier?- perguntei eu.
- Eh pá, acho que pisei um valente cagalhão de cão, que estava no passeio. A estupor da mosca nunca mais me largou.
- O quê? tu trazes os sapatos todos cagados aqui p'ra dentro?
- Eh pá, vi os gajos da ASAE a encaminharem-se para aqui...não pensei em mais nada.
- Vistoriámos tudo! Não existe cozinha, não há portanto restos de comida, nem alimentos mal acondicionados. As bebidas...são boas?
- Só provando, senhor inspector!
- Provemos então o scoth Old Parr.
Fiquei embasbacado a olhar para o homem.
- Não me diga que está estragado?!
-não...não...senhor inspector...é que é caro.
- Ainda bem. Se estiver bom, será caro, mas vale-o. Venha ele.
Olha o sacana! vejam lá se se preocupou em ver se a cerveja estava boa. Cara me fica a provadela.
- Está tudo em ordem, mas há aqui um cheiro que não me agrada- disse o inspector, enrugando o nariz, e direccionado-o para vários lados.
- Isto é momentâneo- disse enqunto lhes servia o whisky.
- O que quer dizer com isso?- perguntou o inspector da ASAE, medindo o copo lhe dava, verificando se estava devidamente cheio.
- Foi Xavier que pisou uma póia de cão e nã limpou as botas.
- Se a ASAE fiscalizasse os cãezinhos que se escagaçam por aí com a complacência dos donos...
- Ó meu amigo, você está-me a mandar à merda ou é impressão minha?- perguntou o inspector com ar de ofendido?
- Não...é que houvesse mais cuidado isto já não acontecia.
- Exactamente. È como diz. Se você tiver mais cuidado com os sítos onde põe os pés, isso já não lhe acontece.
- E os cães...
- Quer o quê? que os animaizinhos andem a cagar pelos cantos, nas casas dos donos? Merde de cão é biológica. Não polui. Na natureza nada se perde, mas tudo se transforma.
- Eu e o meu colega temos de ir embora. Estamos quase a acabar o turno- disse um dos colegas que acompanhavan os ASAES.
- Vamos lá. Mas, ó Zé, que luz vermelhe é essa que tens no curucuto da cabeça? - perguntou o inspector a um dos seus subordinados. O Zé começou a aplpar a cabeça, a olhar desconfiado para o inspector.
- Não sinto nada! Mas, ó inspector, o senhor também tem uma luz vermelha e está na testa. Parece uma daquelas gajas indianas.
- Mas que porra é esta?- perguntou o inspector virando-se para mim.
- O senhor é sócio aqui da casa?
- Não.
- Então é vermelho- respondi eu encolhendo os ombros.
- O whisky estava bom. Mas é preciso inspeccionar. De vez em quando cá virei avaliar o estado do lote- disse o inspector, com um meio sorriso nos lábios, passando com a língua pelo bigode, a lamber a provisão de whisky que ali lhe ficara.
E saíram. Fiz-lhe um manguito!

Avatar do Utilizador
tiririca
Mensagens: 1396
Registado: 16 nov 2007, 11:59
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública

Re: O BAR DO FORUM

Mensagempor tiririca » 01 fev 2008, 20:05

- Pssssst psssst Lima Romeo!? - chama em sussurro o tiririca.
- Que foi!? - responde o Lima Romeo, com voz de chateado.
- É pá, não estou a ver um boi à frente dos olhos... enfiaram-me esta merda na cabeça! É pá, não vejo nada. Onde é que os gajos estão? Vêm vestido de SWAT!?
- Não pá, vêm com um "fato de ferro" preto e passa-montanhas na cabeça.
Nisto ouve-se uma voz forte - DESLIGUE A MUSICA SE FAZ FAVOR!
Instala-se o silêncio.
- Dasssssssssssssssssssse! Óh Lima Romeo, estes gajos são mesmo beras! Olha, vou tirar isto de cima da cabeça - diz o tiririca, ao mesmo tempo que arremessa o balde a grande distância, que acaba por cair sobre uns vasos de flores, com um chinfrim danado. De seguida, levanta-se, vira-se para o masahemba e dispara: - Ouve lá, meu!? qual foi a tua de enfiares esta merda na minha cabeça!?
- Olha, o que é que queres, atrapalhei-me e foi o que me veio à cabeça!
- Dassssssssssssssssse, que ideia do caral......... podias ter tido uma ideia melhor!
- NÃO GOSTO DE OUVIR PALAVRÕES! Diz a alma com um ar muito zangado!
- Ok! Ok! Desculpe, nem me lembrei que estava aqui uma senhora. Mas vamos com calma! já me basta ter de aturar uma sarna... não me venha a senhora também chagar a cabeça! - diz o tiririca enquanto piscava o olho.
- Até porque estão aqui estes senhores da ASEA e dá má imagem à casa! - retorquiu a alma.
- Boa tarde senhores inspectores, desculpem este meu jeito - diz o tiririca dirigindo-se aos elementos da ASEA. - Sou o tiririca.
- Boa tarde! - Diz secamente o fulano que estava de cara destapada! - Vai-me desculpar a frieza no trato, mas estamos aqui para trabalhar, não para confraternizar!
Os outros dois, de cara tapada com passa-montanhas e shot-gun a tiracolo olhavam fixamente para todos os nosso movimentos. Tinham mesmo ar de maus! Fonix!
- Vou ali à casa de banho, ver se consigo secar as calças - diz o Soldado Lima Romeo.
Passados instantes ouviu-se o som do secador de mãos a funcionar.
- Aquele já está com as calças na mão - diz a alma, ao mesmo tempo que solta uma gargalhada.
- Ri-te ri-te! Eu não lhe estou a achar piada nenhuma! Vem uma pessoa para aqui, na intenção de passar um bom bocado na conversa com os amigos e tinha de acontecer logo isto! - Óh "colegas" vejam lá se se despacham com a inspecção que o pessoal quer voltar à “normalidade”.
Os tipos, sempre mal encarados, lá passaram tudo a pente fino. Depois, conforme vieram, assim se foram.
Fui sentar-me no meu lugar, peguei no copo, olhei para aquela mistela alcoólica e pensei – “mas que raio, devo estar doido! Como é que me deixei convencer!?”
- Masahemba!?
Não ouvi resposta, olhei para o balcão e lá estavam aqueles dois no cochicho…
- MASAHEMBA!? É PÁ, DEIXEM-SE LÁ DE NAMOROS!
- O tiririca, tu hoje está muito sensível!? – Diz a alma a olhar meio de esguelha para mim.
- Achas!? Que eu saiba o cliente deve estar primeiro e só depois vem o namoro! Eu não tenho nada a ver com a vossa vida, mas é que esta porra já me está a azedar o estômago! Não me dou com estas bebidas. Traz-me lá o tal chá de limão que te pedi antes, vá, anda!
- Há gente com um estômago muito sensível. – Diz a alma com um ar maroto.
- É, é verdade, há gente que se devia meter na sua vidinha e deixar os outros viverem a deles! Que tens tu a ver com o meu estômago?
A alma virou as costas ao tiririca e deixou-o sem resposta.
- Tu hoje estás mesmo azedo! – diz o Lima Romeo que tinha acabado de chegar vindo da casa de banho.
- Porra, já viste! Enfiam-me com um balde na cabeça, atiram-me para debaixo da mesa, está ali uma gaja a chagar-me a cabeça, a bebida que me deram azedou-me o estomago…. Ainda queres que esteja bem disposto!?
- Pois…..
- Pois o caraças… mas diz-me lá, então desistis-te do colégio alemão?
- É verdade, é uma língua difícil e depois o colégio fica muito longe, muito fora de mão.
- Pois, mas sabes que isso de ter aulas naquele colégio teu vizinho pode dar mau resultado. Aquela escadaria íngreme pode trazer-te problemas, não te esqueças que ainda um destes dias partiste um dedo do pé.
- Amigo Tiri, cá o Lima Romeo é um atleta!
- Acredito! É pá, aqueles dois não se largam, já viste!?
- Fazem um belo par.
- É! Mas na minha opinião aquele “aprochego” todo está a desviar a atenção do masahemba. O gajo nem liga aos clientes. Já lhe pedi um chá há pedaço e o gajo nem ligou…. Sabes que mais, vou-me embora! Xau! Masahemba, alma!?
- O que é que ele quer agora!? Pergunta a alma com o um azedume na voz.
- Diz companheiro! Responde o masahemba.
- Vou-me embora, o ambiente hoje está agreste. Vocês os dois passam o tempo no cochico…. Tu nem prestas atenção aos clientes! Pedi-te um chá para acalmar a minha azia e tu nada, nem ligas-te puto ao que eu disse. Xau! Vou jantar!
E sem esperar resposta saí porta fora.

(...)
O pessimista queixa-se do vento, o optimista espera que ele mude e o realista ajusta as velas.
(Willian George Ward)

Avatar do Utilizador
alma
Mensagens: 447
Registado: 13 jan 2008, 21:14

Re: O BAR DO FORUM

Mensagempor alma » 02 fev 2008, 14:17

xiçaaaaaaaa o tiririca hoje esta mesmo azedado ...coitado com todas as aventuras que lhe aconteceram hoje e de se compreender . nao sei se foi o balde na cabeça que lhe bloqueou os neuroneos ou se foi devido a bebida. no entanto nao precisava des estar tao amargo com os colegas , faltou-lhe mesmo o chá de limao, comentei eu com o masa. nesse instante toca o meu telefone: OLA bianca como estas? ja regressastes do brasil ? temos que nos encontrar, que tal no bar do forum? tenho um colega espectacular para te apresentar . faz todo o teu genero , isso é se estiveres interessada !
bianca: claro amiga estou ansiosa para conhecer esse fenomeno eu lhe ligo mais tarde para combinar esse cafe. esse seu amigo como se chama ?
alma: tiririca mais conhecido por tiras. ja agora, ja estas legal? é que este bar pertence a policia ..
o masa perplexo pergunta-me que amiga era aquela e qual era a minha intençao por querer apresenta-la ao tiras . masa tens que perceber explico-lhe eu.. eu acho que o tiras nao esta a gostar da nossa simples amizade , nao quero que ele pense que tu deixas a tua responsabilidade atras do balcao para me dares mais atençao do que aos outros clientes . por isso com toda a minha bondade decedi apresentar-lhe a minha amiga brazuca para ele tambem ter com quem cochichar. o masa sem hesitar achou optima ideia . quer-se e muita gente para animar o bar. vamos e ter que prever muita caipirinha sem esquecer o famoso cha de limao..... so espero comento eu para o masa que o tiras nao leve a mal esta minha ideia mas conserteza logo que ele a conhecer a azia passa-lhe logo qual chá de limao qual carapuça .... viva a caipirinha digo eu com o meu ar malicioso... anciosa para me ir preparar para o nosso encontro, despeço-me do masa e do resto do pessoal ...

Avatar do Utilizador
masahemba
Mensagens: 243
Registado: 07 jan 2008, 15:17
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública
Categoria: Agente

Re: O BAR DO FORUM

Mensagempor masahemba » 02 fev 2008, 21:00

depois de ter feito o manguito ao inspector da ASAE, regressei ao interior do balcão, e logo a Alma se aproximou de mim. Está mesmo pelo beicinho. Aquela porra de conversa dos pais é que me está a entrenizar a tola. Mas hei-de dar volta à situação.
De repente vejo o tiririca a sair disparado do bar. Perguntei ao Soldado Lima Romeu:
- O que é que aconteceu?
- O gajo pediu-te que o servisses, mas tu mantiveste-te aí no mel, com a Alma, e ele achou-se ofendido, como cliente.
- E está cheio de razão...uma pessoa se quiser qualquer coisa, bem que pode pedir que...
- Está calado Xavier, não compliques isto mais do que já está.
E saí do bar, atrás do tiririca.

Soldado Lima Romeo

Re: O BAR DO FORUM

Mensagempor Soldado Lima Romeo » 02 fev 2008, 22:18

-Ahah... Apanhei-me só com a Almita no bar... é agora que eu vou atacar a máquina das imperiais... quero lá saber... amanhã ainda estou de baixa...

- Fdx, Fdx... lá vem o Masas... olha olha... o Tiras vem atrás... já tão sorridentes... nada que uma rennie não faça... quer dizer... há a quem não tire a azia!!!

Avatar do Utilizador
tiririca
Mensagens: 1396
Registado: 16 nov 2007, 11:59
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública

Re: O BAR DO FORUM

Mensagempor tiririca » 03 fev 2008, 11:46

- Não pá, não estou nada chateado - diz o tiririca – não sou assim tão susceptível!
- Saís-te daqui tão mal humorado.
- Mal humorado!? Eu sou lá homem de ficar mal humorado, não digo que.....
São interrompidos pelo ruído surdo de um potente motor. Ouve-se um motociclo a dar umas aceleradelas, enquanto se aproxima de nós. Olhamos os dois para trás e vimos um militar da BT da GNR montado na sua moto, passa por nos e estaciona mesmo em frente ao bar. Apeia-se e em gestos lentos, retira as luvas e o capacete.
- Boas tardes pessoal - diz o CSI_BT
- Olá caro colega - diz o tiririca - então, de regresso ao posto depois de mais uma patrulha não?
O masahemba apertou a mão ao CSI_BT e entrou no bar enquanto dizia:
- Boa tarde colega, entra, já falamos lá dentro, o bar está sem ninguém ao balcão.
- Ok Ok, vai lá. É, esta está feita - diz o CSI_BT para o tiririca.
- Então! Mas… estás sozinho!? O teu colega!?
- Foi directo ao Destacamento, eu vim aqui beber um sumo e se houver aí alguma coisa para petiscar, comer qualquer coisa.
Ouviam-se vozes metálicas no rádio da moto .... «atenção papa mike 24, aqui bravo 31, chama! escuto!» seguido de outros sons imperceptíveis.

A entrada do CSI_BT não passou despercebida, como vinha fardado, a alma perguntou logo:
- Senhor guarda há algum problema com o estacionamento?
- Que eu saiba não, minha senhora. Não vi nenhum veículo mal estacionado. Mas também não estou aqui por causa do serviço, a minha patrulha já acabou, passei só para beber um sumo e comer uma sandes de presunto. masahemba, faz-me uma sandes de presunto, se faz favor!
- E para beber?
- Pode ser um compal de pêra!
O CSI_BT dirige-se à casa de banho para levar as mãos e só nessa altura repara na presença do Lima Romeo
- Boa tarde camarada, como vai isso? Ainda de baixa?
- Tás bom! Pois, infelizmente... está aqui um "pincel" do catano. Está a custar a cicatrizar...
- Tens de ter paciência, mas nem tudo é mau, olha, tens mais tempo para ire às "aulas".
- Este gajo já tem a escola toda - diz o tiririca - já não precisa de aprender mais nada! Agora tem é que ensinar!
Ouve-se o tilintar de garrafas e copos no balcão. O masahemba coloca um prato com a sandes de presunto sobre o balcão, ao seu lado o compal de pêra e um copo.
No ar ouve-se Eric Clapton: Groaning The Blues
O CSI_BT sai da casa de banho ainda a secar as mãos e dirige-se ao balcão. Senta-se e olha pelo canto do olho para a alma, que está em pé, encostada ao balcão. Franziu os olhos, numa expressão enigmática e sem dizer mais palavra, atirou-se à sandes e ao compal.
- Aqui tens o teu adorado chá de limão! Diz o masahemba com um sorriso nos lábios.
- Obrigado, tu sabes que eu não toco em certas bebidas que me azedem o estomago.....
- Ok, não volta a acontecer!
Neste momento ouvia -se Rory Gallagher - Bullfrog Blues mas como sempre um pouco alto para o meu gosto... tenho um ouvido muito sensível!

(...)
O pessimista queixa-se do vento, o optimista espera que ele mude e o realista ajusta as velas.
(Willian George Ward)

Avatar do Utilizador
alma
Mensagens: 447
Registado: 13 jan 2008, 21:14

Re: O BAR DO FORUM

Mensagempor alma » 03 fev 2008, 23:14

Esta entao Alma na treta com o masa, quando muito repentinamente sente um forte arrepio na alma(no verdadeiro sentido da palavra), era entao o encantador csi_bt, que a fitava com o seu poderoso e penetrante olhar.... ela nem sabia para onde fugir, ja eram muitos os pertendentes. Mas realmente , pensava para com ela:
-DE todos, o csi_bt é sem duvida o mais forte, quente, arrepiante......A força dos seus passos que fazem o soalho rugir fazem-me sem duvida tremer, a sua farda , ai meus deus!!!! Faz denotar ate as mais pequenas formas do seu esculpido corpo....
Enquanto alma deixava o seu pensamento fluir ,masa apercebe-se que ela estava distraida do seu discurso. Para acabar de vez com aquele mal estar, repentinamente dirige-se para o CSI_BT:
-Entao meu camarada amigo!!e a sandocas? Estava boa? E o compalzinho? Maravilha, nao? Caiu que nem uma luva... so faltava uma boa soneca para fazer a digestao...........e no fim do trabalho, até que era uma boa oportunidade. Isto de trabalhar por turnos so da vontade de dormir. Eu se fosse a si, ia para casa!!!!!!!!!!!Dormir, claro!
-Ó CAMARADA AMIGO está por acaso, um simples e mero acaso a insinuar que me deva retirar deste tao agradável espaço, e que ainda por cima tao bem frequentado por lindas mulheres(Dizendo isto com um ar de gozo aos restantes clientes, e piscando o olho à Alma)?
-Claro que nao -diz masa-, longe de mim. Só estou a pensar no seu bem estar, e na segurança de todos os cidadaos que vao precisar de si aquando do seu digno trabalho. E, como ja nao está na sua hora de "espediente", nao vejo o porque da sua presença. Tudo ca dentro está em ordem (pelo menos por enquanto, pensa massa, fechando o pulso e rangendo os dentes) e se for necessario algo, eu tenho corpo suficiente para dar conta do recado.
Os clientes que por ali se encontravam, murmuravam entre si:
-Isto vai dar merda! os copos vao saltar, e é melhor nao tarmos aqui!
-Este ambiente esta pesado, nunca vi o masa assim........
(varios comentarios se faziam ouvir por toda aquela gelida sala)
Alma, apesar de estar com um ego em alta, prevendo o mau desfecho que aquela situaçao ia ter, decide delicadamente, chamar masa:
-Masa querido, entao? Deixasme aqui sozinha? Ja te esqueceste do que te pedi? O safari de ananas esta a minha espera!
De subito. uma gargalhada se faz ouvir pela sala:
-AHAHAHAH................. ó linda Alma,que coisa tao engraçada. J temos algo em comum......Safari de ananas.......bem boa, docinha.......claro, a bebida!!!!!!!!!!
Alma fica envergonhada e sem reacçao.

Avatar do Utilizador
masahemba
Mensagens: 243
Registado: 07 jan 2008, 15:17
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública
Categoria: Agente

Re: O BAR DO FORUM

Mensagempor masahemba » 04 fev 2008, 12:59

Estou mesmo a ficar estrambulhado cá por dentro. Entra-me este CSI-BT armado em cagão, com olhar de melaço para a boazona da Alma, com os braços abertos, gingão, com a pistola pelo joelho, tipo cowboy, a pedir-me sandes. E ela toda sorrisos p'ró gajo. Queres-me estragar o arranjinho, Brigadas do catano?
Escondido na cozinha, tinha um bom presunto, que o inspector da ASAE não detectou. Cortei umas boas fatias e fiz duas boas sandocas ao CSI-BT. besuntei tudo com bastante mostarda e jindungo super-forte. Eu cá tinha uma ideia.
E servi-lhe as sandes. Disse-lhe que ele, o melhor que fazia era ir dormir, pois que as patrulhas cansam.
O gajo não gostou da sugestão. Eu ri-me de mim para mim. Não ias dormir, mas ias à força, por outra razão.
Estão boas as sandes?- perguntava eu, com um sorriso nos lábios.
- Não estão más. Mas porra, que estão fogo.
- É p'rá cervejola. Sai um fino? Uma caneca?
- eu pedi um sumo- respondeu o gajo.
- Sumo com esse substracto? Cerveja amigo, cerveja é que é!
- Venha de lá então uma boa caneca.
- Assim é que se fala- disse, indo tirar a caneca.
Lá estava o gajo a mandar os farolões ao naco. O tiririca, que me deu um trabalhão trazer de volta, estava sentado a cochichar com o soldado Lima Romeu, enquanto o Xavier com as mãos tentava enxotar a mosca que persistia voar à sua volta.
- Ó Xavier, já foste limpar as solas dos sapatos?- perguntei eu, enquanto tirava a caneca de cerveja.
- Já, mas o estupor da mosca não me larga.
- Eh pá, se calhar é uma mosca mágica- retorqui eu, rindo.
- Não tens «Dum-Dum»?- perguntou-me ele.
- Não. Á priori não deveriam aqui existir moscas.
Com a caneca bem cheia de cerveja bem viva, levei-a ao CSI-BT, que de uma golada, bebeu quase metade da caneca.
- Xiça, para quem queria um sumo, não está nada mal.
- Porra, masahemba, tenho a língua a arder.
Eu sorri para ele. Não havia de ser só a língua.
- Boas- disse alguém que entrava-
Eu olhei para a porta. Entravam o Othelo e o Punisher.
- Então rapaziada, sejam bem vindos.
- Isto está giro, cheio de luzinhas verdes a incidir sobre as nossas cabeças.
- P'ra que serve a merda deste efeito de luminotécnica?- perguntou o Othelo.
- Luzes verdes indicam que são membros do Forum. Se for luz vermelha, são estranhos.
- Mas aquele gajo da BT tem luz verde na cabeça. Pertence ao Forum desde quando?- perguntou o Punisher ao Soldado Lima Romeu.
- Foi mesmo agora. Até parece que se fez membro só p'ra vir ao bar.
- Quem é que o convidou?
- Não sei- disse o soldado Romeu.
Vi o Punisher a fazer-me sinais, ao fundo do bar, apontando com o dedo para o CSI-BT. O que é que ele quereria?
- Fala pá, deixa-te de gestos. Eu não sou mudo nem surdo. Não percebo a linguagem gestual.
O CSI-BT olhou para trás, botando um olho Á Alma. E nesse momento o CSI-BT deu um guincho, levou as mãos à barriga e fez um esgar de dor.
EHEHEHEHEH. Estava a começar a fazer efeito!!
- Eh pá, parece que tenho a barriga cheia de água quente.
- Vai para casa, BT, vai para casa. Isso é sintoma de que a tua flora intestinal está indisposta. Vai a correr que não tens muito tempo.
- Tu achas?- perguntava ele, mordendo os lábios.
- Tenho a certeza- e levantou-se para se ir embora.
- Depois pagas. São 15€.
- 15?- perguntava ele, agarrado à barriga- isso não é muito?
- Amigo CSI-BT, isto não é uma tasca, isto é um bar cinco estrelas. A comodidade, a boa música, também se paga.
- Até a caganeira- disse o Xavier a rir.
- Tens uma graça do caraças, tens, tens!!- disse o CSI-BT a sair, todo encolhido.
A mota até fazia faísca pela rua fora.
- Então Almita, como vês, os deuses não resistem a uma boa crise de tripas. São tão normais como os comuns dos mortais.
- E estás a dizer-me isso porquê?
- Achas que eu sou parvo? Estavas toda derretida com o gajo.

Avatar do Utilizador
alma
Mensagens: 447
Registado: 13 jan 2008, 21:14

Re: O BAR DO FORUM

Mensagempor alma » 04 fev 2008, 17:51

Alma: Tem calma Masa, estas muito revoltado...Aconselho a teres aki no bar Imodium Rapid,para esssas crises da tripa,dá sempre jeito,para as tuas ruindades...
Masa: O minha Almita, nao queria de todo que ficasses chateada comigo...Que queres, nao consigo controlar estes meus impulsos...Nao gosto de ver nenhum homem a atirar-se a ti...Provocasse-me um mau estar: embrulhasse-me o estomago, sobe-me a tensao, passa-me pelas veias, percorre-me o corpo todo e por ultimo faço maldades...Nao consigo resistir e mais forte do que eu... Mas Almita ate que foi giro...Diz-la se nao foi caricato ver o CSI a sair com os calcanhares a bater um no outro e a sair de paços lentos amarrado a barrida, a contrair os gluteos para nao lhe sair nada, nem uma brisa....
Alma: Es mesmo mau....Nao se brinca com os sofrimentos dos outros...Ainda por cima, nao me pediste em namoro e olhar nao tira nenhum pedaço...
Nisto, ouvem-se uns "zuns-zuns" ao fundo da sala do bar e uns olhares insinuosos...

Avatar do Utilizador
tiririca
Mensagens: 1396
Registado: 16 nov 2007, 11:59
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública

Re: O BAR DO FORUM

Mensagempor tiririca » 04 fev 2008, 20:45

- Caramba masahemba, isso não se faz! - disse o tiririca com ar indignado! - afinal era a primeira vez que o camarada da BT cá vinha! com um tratamento destes hás-de quer vê-lo cá outra vez!!!!
- O tiririca tem uma certa razão - disse a alma - é verdade que o rapaz me olhou de uma forma que eu também não gostei muito.
- Caramba, quem é que é capaz de ficar sem olhar.... Ai! É pá! Ai!
- Pchiu! - Diz o tiririca ao Lima Romeo, enquanto lhe dá outra canelada!
- O que foi!?
- Cala-te! Não vez que o masahemba fica cheio de ciumes sempre que alguém olha mais "atentamente" para a alma!? E tu ainda ias dizer que ela é toda boazona e tal e coisa.... julgas que eu não te conheço!
- E vais-me dizer que não é!?
- Quanto a isso e como amigo do masahemba, reservo-me o direito de ficar calado.
O Lima Romeo calou-se com ar amuado.
No ar ouvia-se agora o som quente do caribe indestructible

O tiririca olhou para o balcão e não pode deixar de pensar - Aquela mulher é mesmo um monumento.... um porte altivo, uma beleza natural de mulher do norte... os óculos de sol sobre os cabelos pretos... de fazer parar o transito. O meu amigo masahemba tem bom gosto. Estava embrenhado nos seus pensamentos e nem se apercebeu da chegada de um novo cliente. Era um jovem, pouco mais de 20 anos, alto, magro, cabelo curto....
- Boa noite!
- Boa noite - responderam a alma e o masahemba.
- Belo espaço, abriu à pouco tempo não!?
- Sim - disse o masahemba - Abriu na noite de passagem de ano!
- Hmmmmm, pois, é que eu sou de Lisboa e não conhecia isto... É pá, desculpem, nem me apresentei - sou o JoãoP!
- Olha olha, é sempre um prazer conhecer um colega da ultima escola! Conhecer sangue novo. Espero que te estejas a dar bem, que te tenhas adaptado bem a esta vida - disse o tiririca.
- Obrigado... sim, está tudo a correr bem. Por agora não tenho sentido grandes dificuldades. Depois, como sou aqui de Lisboa, faço as seis horas do turno e até fico com muito tempo livre.
O masahemba aproveitou a deixa o atirou o barro à parede!
- É pá, tu é que podias fazer sociedade comigo aqui no bar. Sozinho, para manter isto aberto as 24 horas do dia, não chego a sair daqui - diz o masahemba, já com o pensamento nos momentos que ia poder desfrutar fora dali com a sua alma.
- Hmmmmmm É pá, uma pessoa chega aqui e leva logo com uma dessas.....
- Eu acho uma boa ideia - diz o tiririca - afinal como és daqui da capital isto ajudava-te a ocupar o tempo livre que dizes ter.
- Ok Ok, mas não vou dar já a resposta.... tenho de pensar bem no assunto, afinal é uma grande responsabilidade.... ser barista aqui do bar do forum é coisa grande!
Senti uma grande ansiedade no olhar da alma, esperava ardentemente que o jovem acabado de chegar aceitasse o convite para a sociedade. Já imaginava o tempo que ia ter para poder estreitar melhor o seu conhecimento sobre o masahemba. Este homem já maduro não lhe era indiferente. Não gostava muito de franganotes. Os seus "gostos" pendiam para homens mais maduros, já de cabelo grisalho.

Será que o JoãoP irá aceitar o convite!?

(...)
O pessimista queixa-se do vento, o optimista espera que ele mude e o realista ajusta as velas.
(Willian George Ward)

Avatar do Utilizador
masahemba
Mensagens: 243
Registado: 07 jan 2008, 15:17
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública
Categoria: Agente

Re: O BAR DO FORUM

Mensagempor masahemba » 05 fev 2008, 17:33

Não sei o que é que me deu para convidar o joãop para meu sócio. Foi um impulso que se me saiu. Não sei se estou a fazer negócio para mim, quanto mais para um sócio. Esta malta é blablablabla, mas fazer despesa, tá queto! O whisky foi insertado com o penduranço do inspector da ASAE. Nunca mais voltei a tocar na garrafa.
Tenha o bar vazio. O tiririca, o Soldado Lima Romeu, a alma, o Xavier, o Punisher e o Othelo foram-se embora.
Ouço com deleite B.B.King no tema «guess who». Levantei o som à aparelhagem,até os cristais dos copos (sim, que são tdos em cristal) começarem a vibrar, trespassados pelos graves do baixo.
Aquela viola solo...aquela tarola...meu Deus, como se pode amar a música.
Pressinto que não estou só. Olho para o salão e vejo um man embasbacado a olhar para mim. Eu bem que o via a mexer os lábios, mas não ouvia o que ele dizia. Baixei o som.
- Eh companheiro, isso vai?- perguntei eu.
- não te quis interromper. Estavas mesmo concentrado a ouvir o teu blue, o cotovelo apoiado no balcão, o queixo apoiado na mão, a olhares para o tecto...
- Temos os nossos momentos- disseu eu, um pouco embaraçado.
Pela luz verde que ele tinha apontada à cabeça, soube que era membro do Forum. Tinha um certo ar de gingão. Olhei-lhe para o peito e vi que ostentava um emblema, uma insignía, parecida com a dos páraquedistas. Não tive dúvidas.
- És do GOE.
- Fui companheiro, fui. Chamo-me pspgoe.
- E que fazes agora?
- ando por aí a dar instrução de abordagem de viaturas, tiro, coisas que fazem falta.
- Pois é. È pena é que somente depois de alguns elementos do goe terem saído, é que se começaram a preocupar com esse tipo de instrução. Antes do pessoal do gor sair, e ser colocado nos comandos, a malta não precisava desse tipo de ensinamentos. Andei muita vez a chafordar no caixote de lixo da cidade, e tinha de me servir com o que me ensinaram em Torres Novas...que nesse âmbito foi a mesma coisa que nada. Bem, mas aqui neste bar, não se fala de tristezas. Isto está vazio agora, mas ainda há pouco aqui havia muita actividade. Tomas alguma coisa?
O pspsgoe lançou um olhar sobre a prateleira das bebidas.
- tomo um whisky...duplo.
Eu fiquei a olhar para ele.
- Que foi?
- Nada...nada...é que é muito raro servir whisky, ainda por cima duplo.
- É que acabo de vir de uma missão no estrangeiro...
- Eh pá, calá-te com isso, que esse tema já deu muita bronca aqui no Forum.
-Bronca porquê?
-Sabes como, as palavras são como as cerejas. Uma puxa outra. às tantas já nem sabemos do que é que estamos a falar. Chamaram-me ignorante, Ediposamente complexado, eu sei lá.
- Pronto, sendo assim, bebo o meu whisky e calo-me. Este bar é porreiro. És tu o boss disto?
- Sou- disse eu, dando brilho ás unhas.
- faltam aqui umas gajas.
- faltam como?
- Não há gajas aqui a servirem o whisky, a roçarem as mamas num gajo...
Eh pá, isto não é um bar de putedo. Aqui há respeito. Isto é um bar feito por policias para policias. Não digo que de vez em quando não se façam aí umas noitadas dançantes, com umas danças do ventre...mas isso é expressão artística. Agora, por sistema, ter femeaço aí a pôr o badalo aos saltos...
- Bom, mas ver a dança do ventre é muito interessante.
- Pois, mas para isso acontecer, tem que haver uma contrapartida.
- Qual é?
- Também têm que cá vir uns gajos quase nús a rebolarem-se...a mostrar o cabedal.
Ó masahemba, mas...isto não pode ser um bar de putas, e já pode ser um bar de paneleirada?? Não estou a perceber.
- Qual paneleirada?!!- disse eu, escandalizado- mas por quem me tomas?
- Eh pá, não te ofendas, mas tu é que disseste...
- Foram umas reivindicações que por aí houve. Eu não queria, mas sabes como é, o negócio...
- E quem é que quis?
- As clientes do Bar. Sabes que no Forum também há mulheres, embora até agora só cá tenha posto os pés uma.
- E só uma tem assim tanta força?
- É do Norte. Tem influência e é boa comó caraças.
- è tripeira!!! há-de ter sangue na venta.
- Sangue tem...e bem quente; mas ventas não, ventas tens tu que metes medo ao susto.

Avatar do Utilizador
masahemba
Mensagens: 243
Registado: 07 jan 2008, 15:17
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública
Categoria: Agente

Re: O BAR DO FORUM

Mensagempor masahemba » 07 fev 2008, 16:48

- em contrapartida tu és lindo- dizia o pspgoe, relançando o olhar para o espelho, certificando-se, não fosse eu estar a falar verdade.
- Pois é, essa coisa dos gajos quase nús a rebolarem-se aqui no bar, não me agrada nada. Mas essa minha amiga do Norte disse que trazia outras tipas, se eu fizesse streep masculino...uns cobres a mais fazem jeito.
-avisa-me quando houver essa merda, para eu cá não pôs os pés.
-Ok- disse eu- mas tirando isso, o bar agrada-te?
- É fixe- dizia o pspgoe, com o seu copo de whisky old Parr 16 anos na mão- que quadro é aquele ali?
-É um quadro famoso, de um pintor famoso- Leonardo D'Avintes.
O pspgoe olhou para mim de lado, meio desconfiado.
- Da Vinci...- corrigia o ilustre colega.
- Esse é o outro, o que fez a Gioconda. Este Leonardo é nosso, português, uma maravilha.
- Então aquele quadro representa o quê?
- Representa a arte de tirar broas do forno...a escaldar.
- Que tem isso de artístico? De elevado?
- arte de tirar a broa do forno com as mãos sem se queimar. Como podes verificar, a padeira está serena. Olha-me para aquele rosto.
-Óh pá, onde foste tu desencantar a porra desse pintor?
- Este pintor, o Leonardo D'Avintes, era o gajo que lavava os pincéis ao Miguel Ângelo, que andava à disputa com o Leonardo Da Vinci, lá em Florença. Mas esboços encontrados em Portugal, provam que o Miguel Ângelo e o Leonardo Da Vinci inspiraram-se na obra desconhecida do nosso Leonardo. Entre as lavadelas dos pincéis, ele pintava, com as borras da tinta. Depois chateou-se e veio para Portugal. Trouxe consigo todo o seu espólio agora encontrado. Aquele quadro da padeira, diz-se, simboliza a sua paixão ardente pelas mãos que moldavam a sua vontade.
- Porra pá, que merda de quadro. Aliás, não condiz nada com o ambiente,
- Eh pá, eu como responsável por este bar, tenho que ser ecléctico.

Avatar do Utilizador
punisher
Mensagens: 251
Registado: 15 dez 2007, 22:55
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública
Categoria: Agente

Re: O BAR DO FORUM

Mensagempor punisher » 08 fev 2008, 00:34

bem...um dia inteirinho a combater as Forças do Mal e agora que eu vinha aqui beber um copo...e ouvir boa música é que o barraco está fechado????
Não há condições............
"quem poupa o lobo...sacrifica o cordeiro..."

Avatar do Utilizador
masahemba
Mensagens: 243
Registado: 07 jan 2008, 15:17
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública
Categoria: Agente

Re: O BAR DO FORUM

Mensagempor masahemba » 08 fev 2008, 14:06

- ò masahemba deixa-te dessas merdas da cultura. O pessoal vem para aqui não é para se cultivar. O pessoal só quer desocntrair, abanar o capacete, beber qualquer coisa...em vez de teres ali aquele quadro da padeira, põ e lá um calendário com uma gaja boa...
- Amigo pspsgoe, isto não é uma oficina...não bateram à porta?
- Não ouvi. O som da música abafa tudo. Mas a porta não devia estar aberta?
-Devia. Foste tu que a fechaste.
- Não me lembro.
-Vou lá ver- disse eu. E dirigi-me à porta e abria-a. Olhei lá para fora. Ao longe vi alguém a afastar-se. Era o punisher. Chamei-o.
- Punisheeeeer- gritei.
Ele olhou para trás e logo retrocedeu.

Avatar do Utilizador
punisher
Mensagens: 251
Registado: 15 dez 2007, 22:55
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública
Categoria: Agente

Re: O BAR DO FORUM

Mensagempor punisher » 08 fev 2008, 14:34

-olá grande Masa..pensava que não estava ninguém, já me ia embora!!!_
-está cá muita malta, a porta é que estava fechada por causa da música!!!
-Por causa da música?
-Sim, estava a passar "Smoke on the Water", e como aqule riff é muito poderoso.....
-Bom, pelo menos aqui ouve-se boa música....
-Punisher vamos entrar...
-entrar para onde Masa? para dentro???
-????então punisher??? querias entrar para fora???
-desculpa mas hoje estou todo "queimadinho"....preciso de beber qualquer coisa para descontrair o "Chip"... (......)
"quem poupa o lobo...sacrifica o cordeiro..."

Avatar do Utilizador
masahemba
Mensagens: 243
Registado: 07 jan 2008, 15:17
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública
Categoria: Agente

Re: O BAR DO FORUM

Mensagempor masahemba » 08 fev 2008, 20:08

-então entra meu amigo punisher. Faço questão de oferecer uma bebida, enquanto ouves o final do «smoke on Water» e o princípio do «Child in Time». Que queres beber?
- Uma coisa forte.
- vou-te dar uma bebida inspirada na sopa que o Astérix fez ao Claudius Quiquilfus, quando foi a Roma buscar «Os Louros de César».
- Na sopa?
- Vais adorar. E tu pspgoe? Aproveita que de repente deu-me esta coisa.
- Então também provo a sopa.
- Relaxem ao som dos Deep Purple...mas, por amor de Deus, mantenham,-se policias decentes- e lá fui eu arranjar a bebida asterixiana, balançando o corpo ao som da voz do Ian Gillan.
Quando regressei, com um copo em cada mão, estavam os meus dois colegas e clientes, repimpados nos seus sofás, de olhos fechados, embalados no ritmo frenético da parte hard do child in time.
- Aqui estão as bebidas para os meus amigos, dois gigantescos cocktails.
- A que sabem?- peguntou o punisher.
- doce da Armórica- respondi eu.
-vermelho em baixo, azul em cima...- dizia o pspgoe.
- parece a bandeira americana.
- calma que não estamos na «Grande Travessia». Isto é produto dos Louros de César- retorqui, co ironia. Mas ele não perceberam a piada. Não estavam por dentro do mundo astérixiano.
Ambos meteram a bebida aos queixos. De seguida, olharam para mim, arregalaram os olhos e abanaram a cabeça energicamente.
- A sopa é potente...e saborosa- comentou o pspsgoe.
- Estou pronto p'ra fazer o quarto turno- dizia o punisher- que estrutura!!
- Tenho potência para uma dúzia de gajas. Venham elas, venham elas- berrava o pspgoe.
E os dois puseram-se aos pinotes, aos berros. Era como se eu estivesse a assistir à cena do escravo Garedefréjus a deitar fumo pelos olhos e pelos ouvidos, a lingua a mandar labaredas e a ficar com a cara do diabo. O estupor da receita fazia mesmo efeito.
-Então a porra deste bar não tem gajas?- Berrava o punisher.
- Os gajos a darem a rebolarem-se também servem.
- Gajos? Que gajos?- gritava o punisher com cara de enojado.
- Uns gajos que o masahemba tem de trazer p'raqui.
- Eh pá não estragues isto. Então masas, o mulheredo não vem?
- Eh pá...eu não estava a contar...já são quase três da manhã...- dizia eu encavacado.
A bebida era valente. Quais viagras, qual carapuça.
- Já rebentei as cuecas. Daí a pouco vão as calças- dizia o punisher.
- Já não tenho botões na breguilha- exclamava o pspgoe, rindo à gargalhada.
- Rapaziada, eu tenho de fechar. O que não falta é febra aí fora. E para se entreterem, tevem umas konazinhas para mascar.
- Ó pá, então tu tens cá desse produto, e não dizias nada?- perguntou o punisher, com ar punitivo.
- Não...esqueçam. Não tenho cá nada (porra, onde eu me ia meter!!!)
- Girls and ladies, my name is Charles David Júnior. If you want a baby come to me. The plaisir is mine, the baby is yours- gritava, esbracejava o pspgoe.
e os dois sairam rindo, com um brilho nos olhos que fulminaria qualquer uma.
Abençoada sopa. Talvez não fosse má ideia comercializá-la entre a rapaziada da terceira idade.
Que grandes safados me sairam o Astérix e o Obélix. O Goscinny e o Uderzo não o disseram, mas com esta sopa a filha do Claudius Quiquilfus, a boazona da Tibia...
Que nunca lhes doa!!
Depois de arrumar tudo fui para casa. De repente começo a ver gajas a correr de um lado para o outro,umas desgrenhadas, outras aos guinchos.
- O que é que se passa?- perguntei eu inocentemente, a duas raparigas que passavam.
- Finalmente apareceram homeeeeens!
Isto anda tudo doido!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Avatar do Utilizador
tiririca
Mensagens: 1396
Registado: 16 nov 2007, 11:59
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública

Re: O BAR DO FORUM

Mensagempor tiririca » 09 fev 2008, 14:25

Eu vi passar esta, ia toda esbaforida... - diz o tiririca para o masahemba.
Imagem
mas como só bebo chá de limão (por causa da azia crónica que tenho no estomago) fiquei a vê-la passar..... :shock: Mas desvairadinha de todo vinha esta...

Imagem

É pá, caramba.... ena tantas...

Imagem

- MASAHEMBA!? - Gritava o tiririca - anda cá depressa, pá!!!!
O tiririca estava a ver-se em papos de aranha para aguentar aquele molherido todo.
- O que me queres tiririca!? - Disse o masahemba escondido atrás do balcão.
A confusão era total, a gritaria enorme.... aquelas mulheres todas à procura de machos... e aqueles dois tinham-se posto ao fresco!!!!
- E eu que só bebo chá de limão! - Lamentava-se o tiririca de si para si! - que raio de vida a minha, que raio tem Deus contra mim!? Porque me tinha de dar um estomago tão sensível a azias!?
- Masahemba, onde é que param esse dois!? - perguntava o tiririca fechado a sete chaves na casa de banho das senhoras.
- Quem? - Perguntou o masahemba em jeito de resposta.
- O punisher e o pspgoe! Esses gajos é que são os culpados desta confusão toda!
O tiririca encostava-se freneticamente à porta da casa de banho das senhoras, na tentativa de a manter fechada... estava com sorte, aquele molherido todo não se tinha lembrado que um homem se fosse esconder na casa de banho das senhoras.
- Masahemna!?
- Diz!? - respondia ele escondido debaixo do balcão.
- É pá, não te esqueças da tua alma.... vê lá o que fazes, pá!
Ouvi qualquer coisa da sua resposta, mas com tamanho granel, não consegui perceber nada... mas que aquela poção "mágica" tinha arranjado uma grande confusão, lá isso arranjou... agora é que isto vai aquecer... e eu que só bebo chá de limão! Dassssssssse, raios partam a azia do estomago! :evil:
Mas não há sorte que não dê em "azar"... o bar é pequeno e não é que elas deram com o tiririca!!!!! Batiam freneticamente na porta... abre essa porta, ouvia-se do lado de fora.
- Calma lá pessoal, eu não abro a porta a qualquer uma!
Do lado de fora pressentia-se a agitação.
- Abre! Abre! Abre!
- Há por aí alguma que seja do norte? - Perguntou o tiririca. É que ele só gosta de mulheres do norte.
- Sou eu, sou eu - ouviu-se uma voz forte de mulher do norte.
Porreiro, pensou o tiririca, assim já está melhor.
- Como te chamas!?
- Candeia!
- Candeia!? - pergunta o tiririca admirado. Nunca tal tinha ouvido tal nome.
- Sim, chamo-me candeia!
Hmmmm, bem Candeia, não está mal de todo, sempre ouvi dizer que candeia que vai à frente alumia duas vezes.
- Ok, eu abro a porta, mas só a ti, vais ter de afastar as outras todas.
Ouviu-se grande reboliço, sopapos abafados, gemidos de dor, um ai, daqui, um ai dali, até que o silencio imperou.
- Já podes abrir. - Disse a mesma voz que afirmou chamar-se Candeia.
- Ouve - diz o tiririca - olha que eu só bebo chá de limão...
- Abre essa porta! - disse a tal Candeia com uma voz impaciente.
- Ok Ok eu vou abrir.
O tiririca destrancou a porta e abriu apenas um pequena fresta por onde espreitou! E o que viu, perguntarão os leitores...

(...)
O pessimista queixa-se do vento, o optimista espera que ele mude e o realista ajusta as velas.
(Willian George Ward)


Voltar para “Eventos”

Quem está ligado:

Utilizadores neste fórum: CommonCrawl e 0 visitante