Eu não acredito em Deus

O conteúdo deste separador está acessível a visitantes
Avatar do Utilizador
Fulano_de_tal
Mensagens: 852
Registado: 02 ago 2008, 22:33
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública

Eu não acredito em Deus

Mensagempor Fulano_de_tal » 23 fev 2016, 20:07

Um dos sinais evidentes da puericultura predominante no nosso tempo é a zaragata e o chinfrim, verdadeiramente fetichistas, em redor da existência (ou desistência) de Deus. Crentes e descrentes, quais bandos de pardais à solta, trocam pedradas e mimoseios dignos de qualquer recreio de jardim-escola.

Ora, Deus não é objecto de conhecimento, nem, tão pouco, de crença. Quer isto dizer, logo à partida, que não pode haver uma “ciência de Deus”, nem um “feiticismo de Deus”. Isto, apesar de ser isso o que por aí, e desde tempos imemoriais, sobremaneira abunda e efervesce. Um ídolo, mais ou menos perverso, que oscila entre o totemismo da Razão e o totemismo da Tribo. E, pior que tudo isso, um fetichismo a querer fazer-se passar por ciência, e uma ciência a querer tornar-se fetichismo.
Todavia, Deus não se acredita, nem se calcula: celebra-se. Respira-se. Vive-se. Muito mais que convicção, é acção. Não me imagino a calcular, contabilizar e catalogar as batidas do meu coração. Nem me imagino a proclamar a cada minuto que tenho fé, que rezo, que rogo ao Além para que ele não páre no minuto seguinte.
Suspeito que a questão fundamental não é se “eu acredito em Deus”. Acreditar é “dar crédito” – quem sou eu, um ser efémero que vive por empréstimo, para conceder crédito a Algo que me transcende? Haverá maior acto luciferino que proclamar “eu dou crédito a Deus”? Significa fazer de Deus um devedor meu: Alguém que tem dívidas e deveres para comigo. Não raramente, obrigações. Pervertidamente, é inverter e perverter a Ordem Cósmica: fazer da criatura, credor. Fazer do facto, fazedor. É transformar a própria Vida – e toda a metafísica que nela habita – numa mera relação contratual. Num agiotismo espertalhão. Num Fundo obrigacionista. Em que mercearia forjaram um "deus" destes?
Desenganemo-nos: a questão fundamental não é se eu acredito em Deus, mas, isso sim, se Deus ainda acredita em mim. Se eu, reles e mísero humano, cada vez mais longe do meu coração, cada vez mais afastado e disperso da minha própria raiz e da minha Palavra, ainda sou digno de crédito. Se ando perdido na confusão à procura do caminho para casa; ou se, viciado e embrutecido no caos, me tornei habitante dele. Se ainda procuro alguma verdade, ou se, pura e simplesmente, me tornei toxicodependente da mentira. Só uma cegueira veemente, uma estupidez grosseira pode transportar-nos a essa ideia peregrina de que me compete acreditar em Deus, como se ele precisasse do meu crédito para alguma coisa. Obrigar alguém a uma crença é negar Deus, é proclamar o seu contrário. Um Deus obrigatório é um Deus obrigado, convertido, sujeito dum contrato, em suma, proto-estado providência e, simultaneamente, super-agência de interesses. Porque, disso pelo menos não me resta qualquer dúvida, a crença em Deus deu origem à crença na liberdade, ou à crença na democracia, ou na salvação do mundo por obra e graça duma qualquer crença.
Não espanta – e constitui evidência ubíqua ao longo da nossa vida: quem mais perdido anda, é quem mais enche a boca de salvação; quem mais escravo age, é quem mais atafulha a boca de liberdade; quem mais totalitário e intolerante arfa, é quem mais atesta a bocarra de democracia; quem mais idolatra o próprio umbigo (pessoal e clubista), é quem mais proclama o seu amor assolapado ao outro, à humanidade. Confundem fé em Deus com bajulação a Deus. E celebração com suborno.
------------------
Everyone has a right to be stupid once in awhile. Yet some just abuse the privilege.
------------------
https://www.tovarich.net

Avatar do Utilizador
Ghost Rider
Mensagens: 682
Registado: 25 mar 2013, 09:16
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública
Data de alistamento: 06/01/1998
Categoria: Agente

Re: Eu não acredito em Deus

Mensagempor Ghost Rider » 24 fev 2016, 15:46

É a tua opinião.
Discordo.
Eu acredito em Deus.

Podíamos estar aqui horas a discutir e/ou a apresentar as diferenças nos nossos pontos de vista, mas não vou entrar por aí.
Apenas te digo que acredito em Deus, não no Deus que a igreja moldou ás suas conveniências, nem no Jesus Cristo "humano" que ressuscitou dos mortos (se a vida é eterna, como pode o "salvador" morrer?).

Ou será que Cristo não nos demonstrou que é possível ressuscitar, mas sim que não é possível morrer, porque a nossa vida não é a do corpo físico que "ocupamos", mas a vida espiritual, que está acima de qualquer corpo físico?
Como podemos nós encontrar "Deus e o paraíso" se estamos concentrados no nosso ego e na vida física e/ou material e "mundana", que não passa de uma ilusão criada pela nossa mente?
Como esperamos nós encontrar Deus, que é perfeito, num universo material (de matéria) que é cheio de imperfeições?
Achas possível algo/alguém perfeito criar a imperfeição? Se o fizesse deixaria de ser perfeito, não?
Achas credível que, o mesmo Deus que criou o paraíso, criasse a "serpente e a maçã", para nos fazer pecar, e depois nos enviasse o Seu filho para morrer por nós (quando a vida é eterna), por causa de um pecado que Ele próprio nos levou a cometer?
Ou será que isso é apenas o que a igreja quer que acreditemos, para nos poder ir "conduzindo" na direcção que lhe convém?

"quem mais perdido anda, é quem mais enche a boca de salvação; quem mais escravo age, é quem mais atafulha a boca de liberdade; quem mais totalitário e intolerante arfa, é quem mais atesta a bocarra de democracia; quem mais idolatra o próprio umbigo (pessoal e clubista), é quem mais proclama o seu amor assolapado ao outro, à humanidade. Confundem fé em Deus com bajulação a Deus. E celebração com suborno."

No paraíso, não existe perdição ou salvação, escravidão ou liberdade, etc. O que é perfeito é imutável, como tal, não pode ter estas dualidades.
Sendo Deus perfeito, não pode ter criado um paraíso imperfeito, porque dessa forma, deixava Ele de ser perfeito...
Sendo Deus perfeito, não pode ter criado o ser humano, imperfeito, errante, pecador, porque dessa forma, deixava Ele de ser perfeito...

Será possível que, em alguma altura, nós, seres espirituais, tenhamos criado a ilusão de sermos seres materiais, com corpos físicos, criando divisões na nossa mente que nos levaram a criar e dar credibilidade ao ego, que nos afasta de Deus?
Seremos então (enquanto seres físicos) o fruto da nossa mente, ilusório, como um sonho, do qual mais tarde iremos acordar e não criação Dele?

Se leres "O Desaparecimento do Universo, de Gary R. Renard", ficas com a ideia do meu "ponto de vista".

Avatar do Utilizador
Fulano_de_tal
Mensagens: 852
Registado: 02 ago 2008, 22:33
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública

Re: Eu não acredito em Deus

Mensagempor Fulano_de_tal » 24 fev 2016, 17:58

Eu acredito em Deus; Ele é que, desconfio, não acredita em mim.
------------------
Everyone has a right to be stupid once in awhile. Yet some just abuse the privilege.
------------------
https://www.tovarich.net

Avatar do Utilizador
Ghost Rider
Mensagens: 682
Registado: 25 mar 2013, 09:16
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública
Data de alistamento: 06/01/1998
Categoria: Agente

Re: Eu não acredito em Deus

Mensagempor Ghost Rider » 25 fev 2016, 13:41

Fulano_de_tal Escreveu:Eu acredito em Deus; Ele é que, desconfio, não acredita em mim.


Alguma razão deve ter... :LOL
(Brincadeira.)

Não o culpes por o resultado das tuas escolhas não ser o que esperavas.
As escolhas foram tuas, a culpa ou o mérito é teu.
Deus não tem nada que ver com isso, porque, tal como escrevi acima, Deus não tem nada a ver com a "ilusão" do mundo material, nem com o corpo físico, mas sim com o teu espírito, com a tua vida espiritual.

Se gostas de ler, lê o livro que mencionei acima.
270 páginas +/- não leva muito tempo e mostra outro ponto de vista.

Avatar do Utilizador
Pedro Bala
Mensagens: 1259
Registado: 13 jan 2006, 22:51
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública
Categoria: Agente
Localização: Algures, por aí...

Re: Eu não acredito em Deus

Mensagempor Pedro Bala » 25 fev 2016, 13:57

Fulano_de_tal Escreveu:Eu acredito em Deus; Ele é que, desconfio, não acredita em mim.


Não serás tu que desistes de Deus?
Pois, Ele é que nunca vai desistir de ti. :LOL
Deus te dê o dobro daquilo que me desejas.


Voltar para “FÓRUM 9 - TEMAS POLITICOS E SOCIAIS”

Quem está ligado:

Utilizadores neste fórum: CommonCrawl e 6 visitantes