Fotografia

Avatar do Utilizador
tiririca
Mensagens: 1396
Registado: 16 nov 2007, 11:59
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública

Re: Fotografia

Mensagempor tiririca » 20 jun 2008, 14:11

A noite na “beira mar”

Sair por aí sem destino até encontrar um espaço simpático e acolhedor... um barzinho onde passar um bom bocado na companhia de bons amigos, usufruir de boa musica, de uma boa conversa e uma decoração bom conseguida...

Absolutamente simpático

Absolutamente simpático (interior)
O pessimista queixa-se do vento, o optimista espera que ele mude e o realista ajusta as velas.
(Willian George Ward)

Avatar do Utilizador
Diana
Mensagens: 965
Registado: 15 mar 2008, 22:21
Localização: Região Metropolitana de Lisboa

Re: Fotografia

Mensagempor Diana » 20 jun 2008, 14:20

tiririca Escreveu: Não acredito que no meio desta gente toda que por aqui passa,
não haja outros aficionados [ de fotografia ].



Doutro modo, faço minhas, as palavras do Caro tiririca:


- Não há mais ninguém, aqui neste Fórum, com fotografias giras de Portugal (e não só), obtidas pelos próprios (ou não) ... ?????

Vá lá ...... :)) :)) :))
Pelo rei às vezes, pela Pátria sempre
(pro rege saepe; pro patria semper)

Avatar do Utilizador
tiririca
Mensagens: 1396
Registado: 16 nov 2007, 11:59
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública

Re: Fotografia

Mensagempor tiririca » 20 jun 2008, 20:30

Uma ponte

A vida é como uma ponte, é apenas uma passagem para outras "margens". Não construas sobre ela a tua "casa", atravessa-a apenas.

Como chegar à outra margem...

Canon EOS 400D; f/5; 4 seg.; ISO 100 e extensão de focagem de 18mm

PS: Por vezes esqueço-me de colocar os dados técnicos (regulação da máquina) sob a fotografia. Sempre que isso acontecer e tiverem curiosidade, basta baixar a imagem, irem às propriedades - resumo - avançadas e encontram lá tudo. Por norma não edito nenhuma fotografia, apenas reduzo o tamanho do ficheiro, porque o site de partilha não permite um tamanho maior que 1024x768 px. Esta redução não é inócua. A imagem perde muita resolução, mas é o que há!
O pessimista queixa-se do vento, o optimista espera que ele mude e o realista ajusta as velas.
(Willian George Ward)

Avatar do Utilizador
Diana
Mensagens: 965
Registado: 15 mar 2008, 22:21
Localização: Região Metropolitana de Lisboa

Re: Fotografia

Mensagempor Diana » 20 jun 2008, 22:35

tiririca Escreveu:Uma ponte

A vida é como uma ponte, é apenas uma passagem para outras "margens". Não construas sobre ela a tua "casa", atravessa-a apenas.

Como chegar à outra margem...


Soberba esta foto. Fantástico, o seu trabalho, tiririca !!!!

Então "tome" lá esta, que é a "minha" ponte: :))

Imagem


Desafio pairando sobre o rio
A ponte é uma miragem...


Um pouco maior:

http://i43.servimg.com/u/f43/12/43/91/09/p25abr10.jpg
Pelo rei às vezes, pela Pátria sempre
(pro rege saepe; pro patria semper)

Avatar do Utilizador
tiririca
Mensagens: 1396
Registado: 16 nov 2007, 11:59
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública

Re: Fotografia

Mensagempor tiririca » 22 jun 2008, 17:56

Diana Escreveu:Desafio pairando sobre o rio
A ponte é uma miragem...


Um registo muito bem conseguído... mas já que falamos de nevoeiro!

"Tudo é incerto e derradeiro
tudo é disperso, nada é inteiro
Ó Portugal, hoje és nevoeiro...
É a hora!".
Fernando Pessoa

Será D. Sebastião que regressa de Alcácer Quibir?!

Canon EOS 400D; f/5,6; 1/4 seg.; ISO 100 e extensão de focagem de 55mm

Aproveito a oportunidade, para falar um pouco sobre esta figura da nossa História:

D. Sebastião foi uma figura sobre a qual se fixaram diversas expectativas, o que o tornou numa personagem política que sempre esteve envolta num limbo, à beira de um precipício.

Os seus avós paternos, D. João III e D. Catarina de Áustria tiveram nove filhos, que morreram prematuramente, a maioria deles bebés. O único filho sobrevivente, o infante D. João casou com D. Joana. Este casamente gerou D. Sebastião, mas o príncipe D. João morre de diabetes mesmo antes do filho nascer.

A mãe, D. Joana, filha de Carlos V, não aguenta o isolamento na corte portuguesa e parte para tomar a regência de Castela abandonando o reino e o filho.

A solidão de Sebastião transforma-o em joguete nas mãos de diversos validos, como é o caso dos padres e irmãos Câmara — Luís Gonçalves da Câmara e Martim Gonçalves da Câmara. Teve uma educação problemática. Era idolatrado com mimos e objecto de ideologias distintas. Por um lado a de D. Catarina, sua avó e regente, cuja política pendia para Espanha. Por outro a do cardeal D. Henrique seu tio-avô, que era favorável a uma orientação nacional.

Ao atingir a maioridade aos 14 anos, optou por se afastar destes ideais e aderiu ao partido dos validos, homens temerosos e exaltados, sempre prontos a seguir as suas determinações. Há que juntar também a ausência de planos políticos por parte de D. Sebastião. A sua imprudência e a sua falta de paciência para conduzir a nação era por demais evidentes.

Devido ao seu extremo orgulho, nunca admitiu a falta de experiência para dirigir o reino. Desprezava a opinião do povo. Nunca reuniu cortes ou se deslocou a lugar algum, para administrar justiça. Este comportamento talvez possa ser justificado pelo facto de ser muito pouco ligado às letras e às ciências, apesar de ter tido bons mestres.

Preferia a prática de exercícios violentos, como a equitação e a caça de voltaria e de monte.

Era uma pessoa de temperamento irrequieto e muito impulsivo. Denotava pouca inteligência e fraca cultura. Mas era muito vaidoso. Acreditava que o destino o escolhera para realizar grandes feitos. Daí nunca ter ouvido conselhos de ninguém, recusou casar-se e preferiu ser ele próprio a combater os infiéis em Marrocos.

A teimosia e os instintos bélicos levaram-no à batalha de Álcacer Quibir, onde chegou com um exército cansado, faminto e desfalcado. As consequências foram dramáticas. teve enormes perdas humanas, entre as quais ele próprio. O exército português saiu desta batalha com uma pesada derrota, que teve repercussões dramáticas no futuro da nossa nação.


«D. Sebastião, na sua infelicidade pessoal, não era mais do que o acidente dinástico que a família conscientemente fora preparando. Esta junção das coroas peninsulares poderia ter acontecido antes. Veio a ser desencadeada de um modo dramático, pela imprudência de um jovem que ninguém soube deter» (MATTOSO, José, (dir) História de Portugal, 6 vols.. Lisboa, Círculo de Leitores, vol. III, p.546).
O pessimista queixa-se do vento, o optimista espera que ele mude e o realista ajusta as velas.
(Willian George Ward)

Avatar do Utilizador
tiririca
Mensagens: 1396
Registado: 16 nov 2007, 11:59
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública

Re: Fotografia

Mensagempor tiririca » 23 jun 2008, 16:24

Esta noite não me sinto um recluso. Até mesmo um homem solitário tem noites em que se sente sozinho. Noites em que considero essencial a tolice de me fazer entender por um alguém "qualquer".

Convenci-me que talvez "alguém" me leve a crer que não me encontro recluso da humana solidão!

Enquanto a lua não surge, caminho pela trilha que a luz do candeeiro emana. Caminho na penumbra, rumo ao encontro de alguém que me espera. Um encontro que não quero banal. Um encontro que não quero de passagem. Um encontro com alguém conhecido. Nome?! Para quê nomes?!

Os olhos cruzam-se, os pés param seguídos de cumprimentos… caminhamos lado a lado, de mãos dadas. Sinto as mãos transpiradas... sinal de nervosismo, ansiedade! Conversamos, com palavras e silêncios. Mas eu preciso de muito mais que isso, para haver entendimento!

Fico a vê-la ir-se embora. Acabou! Nunca mais seremos os mesmo! Volto ao meu silêncio, ao meu caminho sem trilho de lua, apenas sob a penumbra do candeeiro.

As palavras são um rasto da penumbra dos sentidos
Canon EOS 400D; f/5; 2,5 seg.; ISO 100 e extensão de focagem de 40mm

(Rua Luís Cipriano - Aveiro)
O pessimista queixa-se do vento, o optimista espera que ele mude e o realista ajusta as velas.
(Willian George Ward)

Avatar do Utilizador
Diana
Mensagens: 965
Registado: 15 mar 2008, 22:21
Localização: Região Metropolitana de Lisboa

Re: Fotografia

Mensagempor Diana » 23 jun 2008, 17:16

tiririca Escreveu: (...) Acabou! Nunca mais seremos os mesmo! Volto ao meu silêncio, ao meu caminho sem trilho de lua, apenas sob a penumbra do candeeiro.




Ah pois não, tiririca.
Pessoa disse-o.
Como ninguém.

Aprende a desligar

Aprende a desligar as ideias de voluptuosidade e de prazer.
Aprende a gozar em tudo, não o que ele é, mas as ideias e os sonhos que provoca.
Porque nada é o que é: os sonhos sempre são os sonhos.
Para isso precisas não tocar em nada.
Se tocares o teu sonho morrerá, o objecto tocado ocupará a tua sensação.

Ver e ouvir são as únicas cousas nobres que a vida contém.
Os outros sentidos são plebeus e carnais.
A única aristocracia é nunca tocar.
Não se aproximar – eis o que é fidalgo.


Bernardo Soares,
heterónimo de Fernando Pessoa [1888-1935]

in Livro do Desassossego



Nota - Adoro a foto, o título e o texto.
Pelo rei às vezes, pela Pátria sempre
(pro rege saepe; pro patria semper)

Avatar do Utilizador
Diana
Mensagens: 965
Registado: 15 mar 2008, 22:21
Localização: Região Metropolitana de Lisboa

Re: Fotografia

Mensagempor Diana » 23 jun 2008, 21:37

Imagem


Batem leve, levemente,
como quem chama por mim.
Será chuva? Será gente?
Gente não é, certamente
e a chuva não bate assim.

(...)

Augusto Gil



:LOL :LOL :LOL
Pelo rei às vezes, pela Pátria sempre
(pro rege saepe; pro patria semper)

Avatar do Utilizador
tiririca
Mensagens: 1396
Registado: 16 nov 2007, 11:59
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública

Re: Fotografia

Mensagempor tiririca » 24 jun 2008, 18:20

A máquina usada (Nikon D2x), é de outro nível. A ferramenta também ajuda! Mas uma imagem destas só se consegue com a aplicação de muita técnica. A linha de soldados vai "fugindo", mas a focagem mantém-se! Uma imagem fantástica!

Soldats Chinois à l'intérieur de la cité interdite
(Robert Rouillard)

Diana Escreveu:e a chuva não bate assim.


A chuva quando bate, bate indiferente a quem passa, ou melhor, a quem molha!

FORA DE TÓPICO:
E o cão da vizinha que não pára de ladrar... Irra! "Os cães ladram e a caravana passa!" Mas este filho da pu... de cão deve passar o tempo a ver caravanas. Irra, é de esgotar a paciência!

Antes de começar a chover... Eu disse-lhe para levar o guarda chuva, não quis, disse que não era preciso! - São só umas pinguinhas... já passa!

Diana Escreveu:Será chuva?

Era! Voltou toda ensopada...

:LOL :LOL :LOL

Quanto à foto... fantástica, mais uma bela escolha. Parabéns!
O pessimista queixa-se do vento, o optimista espera que ele mude e o realista ajusta as velas.
(Willian George Ward)

Avatar do Utilizador
alma
Mensagens: 447
Registado: 13 jan 2008, 21:14

Re: Fotografia

Mensagempor alma » 24 jun 2008, 21:37

Imagem

E há ausencias que se tornam presentes nas nossas vidas. mesmo que estejamos sentados "sós" num banco de jardim....há sempre uma brisa que nos acaricia o coracao.;)

Avatar do Utilizador
tiririca
Mensagens: 1396
Registado: 16 nov 2007, 11:59
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública

Re: Fotografia

Mensagempor tiririca » 25 jun 2008, 15:46

Uma belíssima paisagem rural e uma foto fantástica.

http://www.zyeuter.com/data/photo/b5/85/296813.jpg

Alma Escreveu:E há ausências que se tornam presentes nas nossas vidas. mesmo que estejamos sentados "sós" num banco de jardim....há sempre uma brisa que nos acaricia o coracao.;)


O sol bate nos telhados, e vai chegando a todas as janelas, anunciando a chegada do verão. Em breve as pedras das montanhas e as areias do litoral vão queimar sob os seus raios. Quando o calor aperta, é tão bom, estar sentado num banco de jardim, sob a sombra de uma árvore e sentir um arzinho fresquinho!

Uma imagem muito bem conseguída. Uma boa escolha, parabéns.
O pessimista queixa-se do vento, o optimista espera que ele mude e o realista ajusta as velas.
(Willian George Ward)

Avatar do Utilizador
alma
Mensagens: 447
Registado: 13 jan 2008, 21:14

Re: Fotografia

Mensagempor alma » 25 jun 2008, 20:28

Imagem

VIANA DO CASTELO - Santuário do Monte de Santa Luzia..... Viana e o Santuário

Em rompendo ao longe as estrelas

Trocaremos nossas rosas

Para depois esquecê-las.

Se o meu sangue não me engana,

Como engana a fantasia,

Havemos de ir a Viana,

Oh meu amor de algum dia...

Partamos de flor ao peito,

Que o Amor é como o vento

Quem pára, perde-lhe o jeito,

E morre a todo o momento...

Ciganos verdes ciganos,

Deixai-me com esta crença:

Os pecados têm vinte anos,

E o remorso tem oitenta..

Avatar do Utilizador
alma
Mensagens: 447
Registado: 13 jan 2008, 21:14

Re: Fotografia

Mensagempor alma » 26 jun 2008, 16:28

Imagem


A vida tem muitas cores
uns dias mais cinzentos que outros
mas...
se repararem é nos dias mais chuvosos que se ve o arco-iris! :))

Imagem

Avatar do Utilizador
tiririca
Mensagens: 1396
Registado: 16 nov 2007, 11:59
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública

Re: Fotografia

Mensagempor tiririca » 26 jun 2008, 22:09

O meu amigo Pedro e a sua grande paixão por comboios.

Quinta do Valdoeiro - Vacariça - Mealhada

A Canon EOS 5D a mostrar o que vale!
O pessimista queixa-se do vento, o optimista espera que ele mude e o realista ajusta as velas.
(Willian George Ward)

Avatar do Utilizador
alma
Mensagens: 447
Registado: 13 jan 2008, 21:14

Re: Fotografia

Mensagempor alma » 27 jun 2008, 19:07

Mais uma Excelente fotografia.... PARABENS TIRIRICA

Avatar do Utilizador
tiririca
Mensagens: 1396
Registado: 16 nov 2007, 11:59
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública

Re: Fotografia

Mensagempor tiririca » 27 jun 2008, 21:46

alma Escreveu:Mais uma Excelente fotografia.... PARABENS TIRIRICA


Sem sombra de dúvida. É uma imagem muito bem conseguída. Para poder ser mostrada aqui, o original é tremendamente reduzido, o que resulta numa perda brutal de resolução. A imagem original é simplesmente fantástica, tem tudo, resolução, brilho, enquadramento, profundidade de campo, etc.

Os postes da vinha no primeiro plano e a montanha ao fundo... tudo perfeitamente definido.

O meu amigo Pedro alia o seu equipamento de primeira linha, a uma técnica excelente.

A sua paixão por comboios é imensa. Capaz de nos brindar com imagens como esta!

Trata-se do mesmo comboio, desta vez fotografado na zona de Aveiro.

Só para terem uma ideia da qualidade técnica, quer da máquina (Canon EOS 5D), quer do fotografo, este comboio circulava a velocidade de cruzeiro... na casa dos 90 a 100 kms/h, num final de tarde, já quase noite (observem os faróis já acesos).
O pessimista queixa-se do vento, o optimista espera que ele mude e o realista ajusta as velas.
(Willian George Ward)

Avatar do Utilizador
tiririca
Mensagens: 1396
Registado: 16 nov 2007, 11:59
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública

Re: Fotografia

Mensagempor tiririca » 27 jun 2008, 22:15

Só a luz mostrou o meu dilema, quando se juntou ao sol poente. Fui para ver o pôr-do-sol, mas encontrei outro brilho.

Quando o sol se põe, o ar fica mais frio e o mundo enche-se de sombras ao luar!
O pessimista queixa-se do vento, o optimista espera que ele mude e o realista ajusta as velas.
(Willian George Ward)

Avatar do Utilizador
tiririca
Mensagens: 1396
Registado: 16 nov 2007, 11:59
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública

Re: Fotografia

Mensagempor tiririca » 02 jul 2008, 22:52

Hiroshima em 1945


Imagem


Imagem


Imagem



E Agora?...

Todos sabemos que Hiroshima foi arrasada em Agosto de 1945 por uma bomba atómica.

No entanto, seu povo reconstruiu-a totalmente nestes últimos 62 anos.

Aqui está a prova:

As cores da cidade...


Imagem


Imagem


Imagem


Imagem


Imagem


Imagem


Imagem


Imagem


Imagem


Imagem


Imagem


Imagem


Imagem


Imagem


Sem comentários !!!!
O pessimista queixa-se do vento, o optimista espera que ele mude e o realista ajusta as velas.
(Willian George Ward)

Avatar do Utilizador
Diana
Mensagens: 965
Registado: 15 mar 2008, 22:21
Localização: Região Metropolitana de Lisboa

Re: Fotografia

Mensagempor Diana » 04 jul 2008, 22:12

Imagem


tiririca, há sorrisos assim, que quase nos deixam sem fala, mas que nos fazem felizes. :))
Pela pureza e pela beleza.
A foto foi obtida por uma amiga minha.


Nota - Gostei (muito) da sucessão de fotos de Hiroshima. :))
Pelo rei às vezes, pela Pátria sempre
(pro rege saepe; pro patria semper)

Avatar do Utilizador
alma
Mensagens: 447
Registado: 13 jan 2008, 21:14

Re: Fotografia

Mensagempor alma » 05 jul 2008, 11:58


Avatar do Utilizador
alma
Mensagens: 447
Registado: 13 jan 2008, 21:14

Re: Fotografia

Mensagempor alma » 05 jul 2008, 17:03

Imagem

Um dia alguem me ofereceu uma rosa assim....
Nao me ofereças rosas vermelhas, deixa-me colhe-las no teu jardim...
das palavras que me emprestas ... de uma amizade que floresce... de um amor... talvez assim...
rosas vermelhas... com textura de cetim.

Simbolo de um tempo... rosas vermelhas...que por sua magia jamais se esquece...
toma, é tua esta rosa !!que ela seja portadora da admiraçao , e do carinho e do amor
;)*

Avatar do Utilizador
tiririca
Mensagens: 1396
Registado: 16 nov 2007, 11:59
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública

Re: Fotografia

Mensagempor tiririca » 07 jul 2008, 21:36

Diana Escreveu:tiririca, há sorrisos assim, que quase nos deixam sem fala, mas que nos fazem felizes. :))
Pela pureza e pela beleza.
A foto foi obtida por uma amiga minha.


Um rosto lindo. O brilho dos olhos, que estampa a inocência de uma criança magnificamente captada pela sua amiga. Dê-lhe os meus parabéns, que bem os merece. Uma foto fantástica.

Alma Escreveu:rosas vermelhas... com textura de cetim.


Também gosto muito de rosas vermelhas! Dão sempre uma imagem muito bonita. Parabéns pela escolha.
O pessimista queixa-se do vento, o optimista espera que ele mude e o realista ajusta as velas.
(Willian George Ward)

Avatar do Utilizador
tiririca
Mensagens: 1396
Registado: 16 nov 2007, 11:59
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública

Re: Fotografia

Mensagempor tiririca » 07 jul 2008, 21:43

Abelhinha!

É muito difícil, senão impossível, calcular o valor ecológico do trabalho das abelhas. Com o seu labor diário, estes bichinhos têm um contributo inquantificável para a preservação da diversidade da flora e da fauna.

Em plena laboração I

Em Plena laboração II

Video
O pessimista queixa-se do vento, o optimista espera que ele mude e o realista ajusta as velas.
(Willian George Ward)

Avatar do Utilizador
Diana
Mensagens: 965
Registado: 15 mar 2008, 22:21
Localização: Região Metropolitana de Lisboa

Re: Fotografia

Mensagempor Diana » 11 jul 2008, 08:16

Imagem


Rua Santa Catarina, no Porto
Pelo rei às vezes, pela Pátria sempre
(pro rege saepe; pro patria semper)

Avatar do Utilizador
alma
Mensagens: 447
Registado: 13 jan 2008, 21:14

Re: Fotografia

Mensagempor alma » 11 jul 2008, 12:09

Diana Escreveu:
Imagem


Rua Santa Catarina, no Porto




Sera que esta menina pertence ao grupo.... sera!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Olha eu aqui.... toda curiosa :LOL :LOL

BELA FOTO :))

Avatar do Utilizador
alma
Mensagens: 447
Registado: 13 jan 2008, 21:14

Re: Fotografia

Mensagempor alma » 11 jul 2008, 17:48

Sto António de Mixões da Serra
fica entre Terras de Bouro, Vila Verde e o Parque Peneda-Gerês

EM MIXÕES DA SERRA OS ANIMAIS SÃO BENZIDOS E TÊM MISSA PRÓPRIA


A tradição remonta ao ano de 1916, quando, reza a história, uma grande peste vitimou uma boa parte dos animais, nomeadamente vacas e cavalos. Desalentada, a população da freguesia de Valdreu, prometeu a Santo António a construção de um templo em sua honra, se o Santo livrasse os animais da doença e dos lobos.

O santo milagreiro "ouviu" as preces e, em agradecimento, o povo edificou uma pequena capela no alto do monte, que mais tarde, por volta de 1952, se transformou num santuário.


então, todos os anos, no domingo anterior ao dia 13 de Junho - dia de Santo António -, os lavradores da região levam os seus animais ornamentados com flores e fitas a Mixões da Serra, onde assistem à missa e à bênção. Todos esperam que as suas vacas tenham crias saudáveis e robustas, que os machos e éguas sejam mais fortes, que as ovelhas e cabras dêem mais leite e tenham crias, e que os cães guardem devidamente as casas.

http://videos.sapo.pt/jcuq5aVyR2zBqNFrKmDN





Imagem

Imagem

Imagem

Santuário :))
Imagem


Imagem

Avatar do Utilizador
alma
Mensagens: 447
Registado: 13 jan 2008, 21:14

Re: Fotografia

Mensagempor alma » 13 jul 2008, 11:57

A foto mais famosa da National Geographic

A menina Sharbat, capa da National Geographic em 1985: imagem feita num campo de refugiados.




Imagem


Imagem


Imagem
vinte anos depois, com o rosto precocemente envelhecido

Avatar do Utilizador
tiririca
Mensagens: 1396
Registado: 16 nov 2007, 11:59
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública

Re: Fotografia

Mensagempor tiririca » 13 jul 2008, 21:45

Asas de vento

Desejo voar como uma ave, sentindo a brisa fresca no rosto. Sentir a minha alma a flutuar, correr pelos ares... Parar nos picos das montanhas e gritar... Gritar todo o meu sentir. Depois, voltar a abrir as asas e soltar mais um voo, deixando que o vento me faça chegar à terra do sonho, onde não há longe nem distâncias... Novos voos, novas sensações... Abrir as asas, tomar velocidade, subir... voando e vivendo e ir lembrando sensações vividas.

Asas de vento I
Canon EOS 400D; Manual; f13; 1/125 seg.; ISO 100, Extensão de focagem de 54mm

PS: Boa semana ;)
O pessimista queixa-se do vento, o optimista espera que ele mude e o realista ajusta as velas.
(Willian George Ward)

Avatar do Utilizador
tiririca
Mensagens: 1396
Registado: 16 nov 2007, 11:59
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública

Re: Fotografia

Mensagempor tiririca » 14 jul 2008, 16:58

Asas de vento II

Somos nós (os poetas), e só nós podemos ter
Asas sonoras.
Asas que em certas horas
Palpitam.
Asas que morrem, mas que ressuscitam
Da sepultura.
(…)
Homens do dia-a-dia
Que levantam paredes de ilusão.
Homens de pés no chão,
Que se calcem de sonho e de poesia
Pela graça infantil da vossa mão.


Miguel Torga

Asas de vento II
Canon EOS 400D; Manual; f13; 1/80 seg.; ISO 100, Extensão de focagem de 70mm
O pessimista queixa-se do vento, o optimista espera que ele mude e o realista ajusta as velas.
(Willian George Ward)

Avatar do Utilizador
tiririca
Mensagens: 1396
Registado: 16 nov 2007, 11:59
Força ou serviço: Polícia de Segurança Pública

Re: Fotografia

Mensagempor tiririca » 15 jul 2008, 16:59

O mundo é pequeno! É uma frase feita, que se repete a cada dia que passa. Mas por vezes temos a oportunidade de o confirmar e de forma espantosa.

Estou inscrito num site de partilha do fotografias. Aprecio com grande interesse cada fotografia que um dos membros lá expõe. É um dos meus "favoritos". Tem macros fabulosas!

No domingo, numa conversa entre pessoal da fotografia acabei por descobrir quem é afinal o tal autor. É meu "vizinho" e até meu conhecido. :shock:

As suas macros são fabulosas, mas gosto muito mais quando se vira para "estes" temas. Faz trabalhos fabulosos.

slampampers_II

Autor: Marco
Canon EOS 400D; 1/160 seg.; f.4; ISO 800; Distancia focal de 100mm

slampampers_III

Autor: Marco
Canon EOS 400D; 1/125 seg.; f.2.8; ISO 1600; Distancia focal de 100mm
O pessimista queixa-se do vento, o optimista espera que ele mude e o realista ajusta as velas.
(Willian George Ward)


Voltar para “FÓRUM 11 - GENÉRICO E UNIVERSAL”

Quem está ligado:

Utilizadores neste fórum: Nenhum utilizador registado e 1 visitante